Treinador da seleção disse que o desempenho da equipe na altitude superou as expectativas. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Treinador da seleção disse que o desempenho da equipe na altitude superou as expectativas. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Depois de seis anos e prestes a disputar sua segunda Copa do Mundo, Tite está em paz no comando da seleção brasileira. Após a vitória verde e amarela diante da Bolívia, na noite da última terça-feira (29), o treinador destacou o sentimento após fechar a participação brasileira nas eliminatórias e disse ter se surpreendido com o desempenho da equipe jogando na altitude.

 “A gente sempre estabelece etapa, fico aqui conversando com vocês e olho a comissão toda fora, a gente tenta fazer o melhor trabalho possível, busca consolidar. Esse sentimento aflorado que tenho agora é de paz. O meu é de paz”, disse Tite.

O Brasil não vencia a Bolívia em La Paz há 25 anos e o resultado foi comemorado por Tite, não só pelo placar de 4 a 0, mas especialmente pelo bom desempenho.

"Sim (superou). Qualquer expectativa que pudesse colocar em cima de todo esse desempenho, em termo de análise qualitativa e quantitativa, vir para cá com tamanhas adversidades e fazer um placar tão elástico, com número de finalizações importante, mantendo nível, alternando sem perder o modelo. Nossa retomada de posse se manteve alta, 21%”, avaliou.

“A gente busca retomar a bola logo, gera um nível de concentração alto dos atletas. Depois ter posse de bola para não afogar de mais, porque a cabeça dói, o atleta diminui capacidade física. É muito difícil o desempenho que tivemos jogando contra a qualidade da Bolívia e aqui em La Paz”, finalizou.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa