O atacante uruguaio não escondeu a tristeza por ter sido dispensado pela direção barcelonista. Foto: Facebook/Reprodução

O atacante uruguaio não escondeu a tristeza por ter sido dispensado pela direção barcelonista. Foto: Facebook/Reprodução

A saída de Luis Suárez do Barcelona não foi das melhores. Hoje no Atlético de Madrid, o jogador não esconde a frustração pela forma como foi dispensado pelo clube catalão e o centroavante uruguaio não esconde que a ferida ainda está aberta. Após vitória do Uruguai sobre o Chile na última quinta-feira (8), na abertura das eliminatórias sul-americanas para a Copa de 2022, Suárez falou sobre o adeus ao Barça e destacou que chorou ao deixar o clube.

“Obviamente, não recebi muito bem a mensagem do clube de que eles estavam procurando uma solução para que eu mudasse de ares por causa da maneira como eles fizeram, nada mais. É preciso aceitar quando um ciclo chega ao fim”, comentou Suárez.

“A sensação de que estava sendo chutado foi o que mais me machucou”, declarou.“Foram dias de passar chorando por causa daquilo que estava vivendo”, completou o centroavante que alcançou a marca de terceiro maior artilheiro da história do Barcelona.

"Somos grandes, eu levava seis anos no Barcelona e tinha outras maneiras de falarem comigo, de me dizer que o clube tinha pensado em mudar de ares... Mas não foram boas as formas, e isso incomodou também a Leo (Messi). Ele sabe o que sofremos e o mal que passamos nesse momento", afirmou Suárez que destacou a chateação por ter sido mandado para treinar separado do grupo principal do Barça na pré-temporada.

“Nem todos sabem o que aconteceu, mas (foi difícil) ir treinar e ser mandado para um grupo diferente do restante, porque não estava entre os 22 que fariam um 11 contra 11…”, explicou.

Luisito ainda comentou o apoio que recebeu de seu grande amigo no Barcelona, Lionel Messi. O camisa 10 manifestou publicamente sua insatisfação pela forma como o clube tratou Suárez e o uruguaio disse não ter ficado surpreso com a ação de Messi.

 “Eu o conheço muito bem. Ele sabia a dor que eu estava sentindo, a sensação de que estava sendo chutado foi o que mais me machucou. A maneira como eles fizeram as coisas não foi certa, e o Leo sabe como minha família e eu sofremos”, disse.

"Não me surpreendeu que Messi me apoiasse publicamente, porque o conheço demais. Já sabia a dor que ele sentia, como ele disse e como eu disse a ele. As maneiras, a sensação de que estão te jogando fora é a que mais dói", completou.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa