Robinho foi condenado a 9 anos de prisão na Itália. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Robinho foi condenado a 9 anos de prisão na Itália. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Durou menos de uma semana a quarta passagem de Robinho pelo Santos. Muito pressionado por conta da condenação por estupro na Itália, o atacante anunciou no início da noite desta sexta-feira (16) a suspensão de seu contrato com o Peixe.

“Com muita tristeza no coração vim falar pra vocês que tomei a decisão junto com prepsidente de ter a suspensão do meu contrato nesse momento conturbado da minha vida”, disse Robinho em comunicado em seu Instagram.

“Meu objetivo sempre foi ajudar o Santos e se, de alguma forma, estou atrapalhando, é melhor que eu saia e foque nas minhas coisas pessoais. Para os torcedores do Peixão e aquelas pessoas que gostam de mim, com certeza vou provar minha inocência”, completou o atacante.

Minutos depois foi o Santos quem se pronunciou por meio de nota oficial. O clube comunicou que, em comum acordo com o atleta, optou por suspender o contrato de Robinho.

“O Santos Futebol Clube e o atleta Robinho informam que, em comum acordo, resolveram suspender a validade do contrato firmado no último dia 10 de outubro para que o jogador possa se concentrar exclusivamente na sua defesa no processo que corre na Itália”, diz a nota.

Robinho foi condenado a 9 anos de prisão na Itália por conta de um episódio de estupro coletiva de uma moça albanesa em Milão. O jogador recorre em liberdade e a justiça Italiana deve julgar o caso em segunda instância no dia 10 de dezembro. Se Robinho for inocentado, poderia reativar o acordo com o Peixe, válido até fevereiro de 2021.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa