Direção santista deseja ter um nome para o lugar de Diniz até o jogo contra o Bahia. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Direção santista deseja ter um nome para o lugar de Diniz até o jogo contra o Bahia. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Sem treinador após a demissão de Fernando Diniz, no último domingo (5), o Santos ainda não definiu seus alvos no mercado.  Para isso, o comitê de gestão do clube se reunirá nesta segunda-feira (6) para colocar na mesa os nomes que se enquadram na filosofia e nas condições financeiras do Peixe.

O nome do novo treinador precisa, obrigatoriamente, ser aprovado pelo CG santista. Com isso, o presidente Andrés Rueda e os outros sete componentes do grupo devem debater os possíveis alvos e só aí iniciar os contatos com os profissionais.

Em situação delicada no campeonato brasileiro, o Santos espera ter um treinador acertado antes do próximo compromisso da equipe, que volta a campo no próximo sábado (11), para enfrentar o Bahia, na Vila Belmiro, na abertura do returno da competição.

Sem tempo para grandes experiências e adaptações, a prioridade alvinegra deve ser um treinador brasileiro, deixando opções do mercado estrangeiro de lado nesse momento.

O Santos fecha o primeiro turno do Brasileirão com 22 pontos somados e a proximidade com a zona de rebaixamento preocupa. Neste momento, a equipe da Vila Belmiro ocupa a 13ª posição, mas pode terminar essa rodada na 15ª colocação caso São Paulo e Juventude vençam suas partidas.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa