Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

A entrevista coletiva do técnico Renato Gaúcho sábado à noite foi emblemática. Mostrou um treinador acuado, que tentou colocar nas costas da imprensa todos os problemas que o mal treinado time do Flamengo mostrou no gramado, na derrota por 3 a 1 para o Fluminense, treinado de forma brilhante pelo ex-auxiliar e agora efetivo técnico Marcão.

Renato só apresentou estratégia diante microfones. Em campo, o seu time foi incapaz de apresentar qualquer organização tática, uma estratégia que fosse.

Disse que a culpa por ter colocado Bruno Henrique em campo é dos jornalistas, que criticam quando ele, Renato, preserva alguns titulares.

Também é da imprensa a culpa por ter escalado Arrascaeta.

Renato sabe que o trabalho que faz no comando do milionário time Rubro-Negro é pífio.

E sabe também que o verdadeiro treinador do Flamengo, como já havia sido no Grêmio, é o seu auxiliar Alexandre Mendes. Marcos Braz, dirigente do Flamengo também sabe disso.

Tanto sabe que, na época em que o Flamengo era dirigido por Jorge Jesus, respondeu às provocações de Renato, na época no Grêmio, dizendo que quem treinava o time gaúcho não era Renato, e sim Alexandre.

O fato é que o Flamengo derrete.

E pode chegar em frangalhos e desacreditado para o duelo final da Copa Libertadores da América, dia 27 de novembro, em Montevidéo.

Sorte do Palmeiras.

Se o português Abel Ferreira souber trabalhar internamente o lado psicológico de seus jogadores, o Palmeiras pode conquistar o tri da Copa Libertadores da América.

Tecnicamente, e isso é indiscutível, o Flamengo leva vantagem sobre o a equipe paulista.

Bruno Henrique, Arrascaeta, Gabigol, Everton Ribeiro, são jogadores que podem desequilibrar a favor do time carioca.

Mas bem marcados, e o Palmeiras sabe marcar muito bem, podem ser anulados.

A final ainda está distante.

Mas o Flamengo não dá sinais de que pode se recuperar.

Ao criar factóides, como fez na estrevista coletiva de sábado à noite, Renato mostra que perdeu o rumo.

E com ele no comando, adeus tri da liberta para o Rubro-Negro.

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa