Filipe Luis encontrará o amigo Borré, com quem jogou no Atlético de Madrid. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Filipe Luis encontrará o amigo Borré, com quem jogou no Atlético de Madrid. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

A grande decisão da Taça Libertadores da América 2020 será palco para uma série de reencontros entre velhos conhecidos. Amigos, ex-companheiros, ex-comandados ficarão frente a frente quando Flamengo e River Plate entrarem no gramado do Estádio Monumental de Lima, no peru, neste sábado (23), às 17h.

O duelo proporcionará o encontro entre o argentino Enzo Perez, meia do River, e Diego Alves, goleiro do Flamengo. Os dois foram companheiros nos tempos em que defenderam o Valência. Perez terá a oportunidade de rever mais um conhecido: o técnico Jorge Jesus, que o treinou em sua passagem pelo Benfica.

Outro reencontro será entre Filipe Luis, lateral rubro-negro, e Borré, atacante colombiano do River. Agora rivais, os jogadores defenderam juntos o Atlético de Madrid. À imprensa argentina, o defensor flamenguista inclusive elogiou Borré.

“Nós compartilhamos uma estadia no Aleti quando ele não tinha muitas oportunidades. Ele é um cara legal, um bom atacante que está em um ótimo nível”, disse Filipe Luís.

Outros amigos que se enfrentarão em Lima são Arrascaeta e Lucas Pratto. Embora não tenham jogado juntos, os gringos viveram em Belo Horizonte quando o uruguaio defendia o Cruzeiro e o argentino jogava no Atlético Mineiro. O período em BH transformou os atletas em amigos e agora, defendendo outras camisas, voltarão a se enfrentar.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa