Peixe é hoje o 15º colocado, com 29 pontos, quanto o Tricolor Gaúcho é o 19º com 26 pontos.. Foto: Ivan Storti/Santos

Peixe é hoje o 15º colocado, com 29 pontos, quanto o Tricolor Gaúcho é o 19º com 26 pontos.. Foto: Ivan Storti/Santos

Restando apenas onze rodadas, o Campeonato Brasileiro entrou em sua reta final. Com isso, a briga contra o rebaixamento fica cada vez mais acirrada e as equipes começam a fazer as contas para buscar a salvação do Z4.

Desde que o Brasileirão começou a ser disputado por pontos corridos, com 20 equipes no campeonato, nenhuma equipe que alcançou 45 pontos ou mais acabou rebaixada. Pontuações mais baixas, porém, já serviram para salvar alguns times: em 2019, por exemplo, o Ceará se livrou do Z4 com 39 pontos, menor pontuação de uma equipe que se salvou da degola desde que a competição ganhou esse formato. O Palmeiras, em 2014, conseguiu evitar a queda com 40 pontos; já o Fortaleza, em 2020, se salvou batendo 41 pontos.

De acordo com o Departamento de Matemática da UFMG, no Brasileirão 2021, as equipes que alcançarem 49 pontos estarão livres do rebaixamento. Ao alcançar o número “mágico” de 45 pontos, os times terão apenas 2,263% de chances de queda.

Quem repetir a pontuação que salvou o Ceará em 2019, 39 pontos, dificilmente se livrará do descenso. Segundo o Departamento de Matemática da UFMG, com esse número a chance de rebaixamento é de 96,720%. Com 40 pontos, as probabilidades de ser rebaixado são de 89,354%; batendo 41 pontos, as chances caem para 73.616%; com 42 pontos, as chances são de 49.919%; com 43 pontos, 25.634%; e 44 pontos deixam os concorrentes com 9.308%.

Considerando que com 45 pontos dificilmente as equipes serão rebaixadas, Santos, Grêmio e São Paulo, três das maiores equipes que se veem ameaçadas pelo fantasma do rebaixamento já sabem o que precisam fazer: Com 29 pontos, o Santos precisa de 16 pontos (cinco vitórias e um empate) para chegar ao “número mágico”; O Tricolor Gaúcho tem atualmente 26 pontos e precisa de 19 pontos (6 vitórias e um empate); Já o tricolor Paulista, que tem 31 pontos e precisa somar mais 14 pontos (quatro vitórias e dois empates). Pesa a favor dos três o fato de ainda terem alguns jogos a menos que seus concorrentes: O Grêmio tem dois jogos a cumprir, o Santos um, enquanto o São Paulo ainda joga pela 27ª rodada.

CONFIRA AS PROBABILIDADES DE QUEDA:

Hoje, de acordo com o Departamento de Matemática da UFMG, a Chapecoense tem 99,98% de chances de ser rebaixada, seguida pelo Sport (61,4%), Juventude (59,5%), Grêmio (56,4), Bahia (34,3%), Santos (34%), São Paulo (15,5%), América-MG (14,8%) e Ceará (11,1%).

Já o matemático Tristão Garcia, do site Infobola, aponta probabilidades um pouco diferentes. De acordo com Garcia, a Chapecoense tem 99% de chances de ser rebaixada, seguida por Sport (63%), Juventude (56%), Grêmio (50%), Bahia (36%), Santos (32%), América-MG (18), São Paulo (17%), Ceará (13%).

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa