No Timão, treinador terá o maior desafio de sua carreira até aqui. Foto: Athletico-PR/Divulgação

No Timão, treinador terá o maior desafio de sua carreira até aqui. Foto: Athletico-PR/Divulgação

Vindo de uma experiência mais do que positiva no Athletic-PR, Tiago Nunes terá uma dura missão no Corinthians. Contratado para substituir Fábio Carille após momento turbulento da equipe no Brasileirão, Nunes terá duras de cumprir duras missões no comando do Timão.

Ao buscar Tiago Nunes, o Corinthians mira questões que vão além das conquistas, afinal, títulos Carille vinha conquistando. Foram três Paulistas e um Campeonato Brasileiro sob o comando do ex-auxiliar de Tite. Com Nunes, a missão é alcançar resultados tão bons quanto os de Carille, mas com estratégias diferentes.

Andrés Sanchez deixou claro que o Corinthians precisa modificar sua filosofia. Ao demitir Carille, o que se falou internamente foi que o Corinthians precisava de outra característica para o próximo trabalho. Fazer com que o Corinthians deixe de jogar como “time pequeno” é a grande tarefa do novo comandante no início de trabalho. Mudar uma filosofia implementada a mais de 10 anos não é fácil. Especialmente com Mano Menezes e Tite, o Corinthians se consolidou como uma equipe de defesa forte, contra-ataques fatais, linhas mais baixas.

O estilo de Tiago Nunes vai na contramão dessas ideias. O treinador gosta de ter a bola, seus times trocam muitos passes, constroem as jogadas com velocidade, mas sempre com a bola no chão.

Outra dura missão do novo técnico do Timão é aproveitar melhor a base corintiana. Acostumado a dar oportunidades aos talentos formadas no Athletico, Tiago encontrará um elenco que pouco utiliza os garotos. Na equipe titular, apenas Pedrinho está consolidado. O jovem atacante Janderson até tem ganhado algumas oportunidades. Mas para por aí – embora Fagner seja revelado no Timão, é um caso diferente de jogador que saiu, rodou por muitos clubes e voltou ao clube. A relação com jogadores jovens, inclusive, foi um problema na Era Carille, especialmente depois que o ex-treinador corintiano criticou a falta de experiência de alguns nomes após a eliminação na Copa Sul-Americana.

Mudar a filosofia de jogo e abrir espaço para jovens talentos são tarefas complicadas. Conquistar a confiança da torcida, então, torna-se mais uma difícil missão para Tiago Nunes. Convencer o torcedor, acostumado a uma ideia de jogo, é fundamental para ter tranquilidade. O corintiano entendeu, ao longo dos últimos anos, que o time “sabe sofrer”. Tiago chega para modificar esse cenário e, certamente, seu time correrá maiores riscos que as equipes montadas por seus antecessores. Caberá ao treinador mostrar e convencer o torcedor que essa receita também pode levar o clube ao sucesso.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa