Fiori Gigliotti (ao centro) participou de eventos na cidade do interior paulista. Foto: Reprodução/Facebook

Fiori Gigliotti (ao centro) participou de eventos na cidade do interior paulista. Foto: Reprodução/Facebook

A tradição do futebol da cidade de Garça não está apenas no corre-corre de atletas e jogadores que vestem o vestiram a camisa do time da cidade.

Com o apito, Garça também é reconhecida no futebol paulista. São várias gerações de árbitros, inclusive na atualidade, que levam o nome da cidade e da região pelos gramados do Brasil.

Nas imagens abaixo e na galeria de fotos você pode viajar pelo tempo relembrando grandes árbitros e momentos especiais do futebol garcense.

Material publicado originalmente na página do Fecebook do amigo e colaborador Wanderley Tico Cassola.

Registro histórico. Acompanhe!

Waldir Peres (terceiro da equerda para a direita) e Chicão (o último) com árbitros de Garça.

Jomar "Portugues" Goncalves, Corinho, Ranulfo José da Silva e Ferrez Lopes.

Ranulfo Jose da Silva, Valter "Palmital" Garcia, Fiori Giglioti, Moisés Rodrigues Santa e João Alexandre Colombani.

Geraldo Alves (representante), Moises Rodrigues Santana, Francisco "Chicão" Ferreira e Valter "Palmital" Garcia.

Ranulfo Jose da Silva, Moises Rodrigues Santana e Claudio "Tatinha" Felício.

O emblematico Moisés Rodrigues Santana, época de arbitro da Federaçao Paulista de Futebol.

Caso raro: um pequeno incidente no jogo Flamengo x Ipiranga. Lance de gol confirmado por Moisés Rodrigues Santana.

João Luiz Zancopé, Olegario "Chola" Damasceno e Valter "Palmital" Garcia.

Helio Benetti (representante), Antenor de Souza, Jomar "Portugues" Goncalves e Luiz "Sorocaba" Guerino.

Árbitros ou que apitavam nas décadas de 50/60 - Da esq.p/dir: Hércules Barros, Hélio Gussiardi, Moisés Rodrigues Santana, Zicão, Garrafão, Antonio Maceloni, Arthur Chekerdemian e Ivo. Posaram para a posteridade no antigo campo do Garça, em Vila Williams, tendo ao fundo o Hospital São Lucas.

Nova geração: Cássio Luiz Zancopé, (centro) arbitro categoria "1" da Federaçao Paulista de Futebol. Cássio é filho do também ex-árbitro João Luiz Zancopé.

Os árbitros do amador da temporada de 1.973. Uma verdadeira "Tropa de Elite". Da esq.p/dir: Pedro Kruzick (diretor de árbitro), Júlio Pavarini (representante), Trivela, Adecildo Alves, Zé Carlos, João "Maquininha" Gabriel, Ranuldo José da Silva, Valter "Palmital" Garcia, Geraldo Moreira de Oliveira, José Ximenes Carreteiro, Ribeiro, Moisés Rodrigues Santana, Ordálio Bernardino e Sérgio De Stéfani (presidente da Comissão Central de Esportes).

 

Campeonato amador de 1.992. Brilhante equipe que trabalhou no jogo final. Da direita para esquerda: o repórter João Carlos Camacho, Marquinhos (representante), o arbitro Saraiva, Maloca e Tatinha (auxiliares), Zú e Adelino, dirigentes do Cavalcante.

 

Galeria de árbitros da temporada de 1.974. Da esq.p/dir: Júlio Pavarini (representane), Sérgio De Stéfani (presidente da Comissão Central de Esportes), Pedro Kruzick (diretor de árbitros), Olegário "Chola" Damaceno, Ranulfo José da Silva, Pedro Valentim Fernandes, Rodrigues, Antenor de Souza, Ribeiro, Jomar "Português" Gonçalves, Takiutu, Moisés Rodrigues Santana, Juvenal Hilário do Nascimento e Orlando Antunes Moreira.

Jomar Gonçalves momentos antes de apitar a final do Campeonato Amador de 1.978, quando a Fazenda São Francisco ficou com o inédito título, ao ganhar do Ipiranga, pelo placar de 2 a 1.

Gerações: Adriano (esq), no presente, e Moisés Rodrigues Santana, grande e polemico arbitro do passado!

Outro quarteto famoso, posando no Módulo Esportivo "Pedro Alves Netto", no mes de maio de 1.992: Marquinhos representante (a esq), o emblemático juizão Altair "Taidão" Paranhos, Cláudio "Tatinha" Felício e João Gabriel.

Foto histórica (Junho de 1.991). O repórter João Carlos Camacho entrevistando o "juizão" Altair "Taidão" Paranhos, no Estádio Municipal "Frederico Platzeck". Da esquerda para direita: Ranulfo José da Silva (bandeirinha), Marcos Santos (representante) e Aparecido (bandeirinha) - Foto: Marcos Santos

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    39
  • 2 San
    37
  • 3 Pal
    36
  • 4 Cor
    32
  • 5 São
    31
  • Veja tabela completa