Atacante corintiano disse que precisa de tempo para pegar ritmo, mas se colocou à disposição para jogar. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

Atacante corintiano disse que precisa de tempo para pegar ritmo, mas se colocou à disposição para jogar. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

O centroavante finalmente chegou e vestiu a camisa do Corinthians. Apresentado oficialmente nesta terça-feira (22), Junior Moraes se disse pronto para entrar em campo pelo Timão.

Em suas primeiras palavras como jogador corintiano, Moraes disse não estar preocupado com a pressão de assumir a função de homem-gol da equipe e se colocou à disposição de Vitor Pereira para estrear na próxima quinta-feira (24), diante do Guarani, pelas quartas de final do Paulistão.

“Não me sinto pressionado, mas acredito que tenha expectativa de muita gente por me ver jogando. Vai ser um desafio grande para mim voltar e vestir essa camisa, nessa posição que é tão prestigiada, como centroavante, que vive momentos ruins quando não faz gol e maravilhosos quando marca. Quero estar bem preparado para desempenhar meu melhor futebol”, disse Moraes.

“Devido a tudo que aconteceu durante a guerra, fiquei parado quase três semanas, sem treino. Lógico, preciso melhorar bastante. Mas nesses dias em que tenho treinado aqui, já sinto evolução. Já estou inscrito e à disposição do mister, a decisão de estrear ou não é dele, mas minha vontade de estar em campo e poder jogar é enorme. Nas últimas semanas, minha vida tem sido bem diferente do que era o habitual. Minha vida toda foi feita de muitos desafios. Tudo que eu passei nas últimas semanas foi bem difícil, mas estou com a cabeça boa, tentando focar só no futebol. Isso já ajuda bastante a estar com a cabeça mais livre”, explicou o novo centroavante corintiano.

Moraes ainda comentou suas características dentro de campo e destacou sua versatilidade como ponto forte.

“Eu procuro sempre achar os espaços conforme o país ou o campeonato em que jogo. Aqui no Brasil, o estilo de jogo é totalmente diferente daquele da Europa. Vai ser um desafio tentar achar a melhor maneira de jogar para fazer gols. Acredito que a versatilidade que tenho, de mudar conforme o espaço que eu for encontrando, para ser eficiente, é uma das melhores características que tenho”, explicou.

“Já joguei de várias formas diferentes. Aqui no Brasil, vai ser um desafio grande, estou voltando depois de muitos anos fora. Acredito que o maior desafio será procurar os espaços certos para desempenhar meu futebol e ser eficiente”, completou o atacante.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa