Em 2017, treinador teve um ano vitorioso à frente do Corinthians. Foto: Divulgação

Em 2017, treinador teve um ano vitorioso à frente do Corinthians. Foto: Divulgação

Há quatro anos, com Fábio Carille ocupando o cargo de treinador, o Corinthians vivia um momento bastante distinto do atual.

A equipe, que acumulava 17 jogos de invencibilidade, começara a temporada de 2017 com a alcunha de quarta força paulista, mas acabou conquistando o estadual e liderava o Campeonato Brasileiro com dez pontos. Ao término da competição nacional, chegou ao título com 72 pontos, nove a mais que o vice-campeão, o Palmeiras.

Ainda teve a melhor defesa do certame (30 gols sofridos) e o artilheiro do campeonato, Jô, com 18 gols, empatado com Henrique Dourado, então no Fluminense.

O QUE DIZIA CARILLE NA OCASIÃO?

Fábio Carille, atualmente trabalhando no futebol saudita, treinando o  Al-Ittihad, dizia em maio de 2017 que ainda buscava melhorar sua equipe, e não se importava com as magras vitórias de 1 a 0.

"Eu sempre deixei claro que o time ainda tem muito a melhorar, e vai melhorar. Eu não estava preocupado com vitórias por 1 a 0. Eu fico preocupado quando a equipe não cria. Eu quero uma equipe que finalize mais e chegue muito mais no gol do adversário. Vamos melhorar", dizia Carille, que em 2018 e 2019 voltou a vencer o Campeonato Paulista à frente do Corinthians.

Jogadores do Corinthians comemoram o título do Campeonato Brasileiro de 2017. Foto: Divulgação/Ag. Corinthians

COMEÇO RUIM EM 2021...

Em contraponto, neste ano de 2021, a equipe foi eliminada na semifinal do Paulistão (derrota para o Palmeiras por 2 a 0), estreou no Brasileiro perdendo de 1 a 0 para o Atlético Goianiense na Neo Química Arena e, no mesmo estádio, em seguida, perdeu para o mesmo time de Goiás pela Copa do Brasil, por 2 a 0, ambos os jogos com Sylvinho sendo o treinador, que chegou após dois profissionais terem recusado o cargo.

Depois de dispensar Vagner Mancini, a diretoria corintiana tentou trazer Renato Portaluppi e Diego Aguirre, que declinaram do convite. Sylvinho foi contratado e até agora soma duas derrotas comandando o time, que volta a campo no próximo domingo (6), quando enfrenta o América Mineiro no Independência, a partir das 16h. 

INSTAGRAM: @marcosjuniormicheletti

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa