Britânico ocupará a vaga deixada por Valtteri Bottas. Foto::Mercedes-AMG Petronas  F1

Britânico ocupará a vaga deixada por Valtteri Bottas. Foto::Mercedes-AMG Petronas F1

A Mercedes anunciou nesta terça-ferira (7) que George Russel, de 23 anos, será seu piloto em 2022 no Mundial de Fórmula 1, formando uma dupla integralmente britânica ao lado do heptacampeão Lewis Hamilton. A confirmação se dá exatamente um dia após a assinatura do finlandês Valtteri Bottas com a Alfa Romeo a partir do próximo ano. Bottas cumpre contrato com a Mercedes até o final de 2021.

Atualmente na Willliams, equipe que defende desde 2019, ano em que estreou na categoria, Russell guiou pela Mercedes no GP do Sakhir de 2020, substituindo Hamilton, quando este testou positivo para covid-19, terminando a prova em nono lugar após um erro da equipe na troca de pneus e ter largado na primeira fila, em segundo lugar.

George Russel chegou à Fórmula 1 com credenciais robustas, após os títulos da GP3 (2017) e Fórmula 2 (2018), nas duas vezes defendendo a ART Grand Prix. Em 2017 ele ingressou no programa de jovens pilotos da Mercedes, e desde então faz parte do time sediado em Brackley.

O prazo de vínculo de Russell com a equipe não foi revelado e, por enquanto, a Williams ainda não informou quem será seu substituto em 2022. Um dos cotados é o holandês Nick de Vries, que foi campeão da última temporada da Fórmula E, justamente pela Mercedes, que fornece motores à Williams.

Além da Mercedes, a AlphaTauri também divulgou nesta segunda-feira a renovação de contrato com sua atual dupla, o francês Pierre Gasly e o japonês Yuki Tsunoda.


      

  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOUTUBE

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa