Clique aqui e leia o artigo

Clique aqui e leia o artigo

No dia 18 de dezembro de 2014, a redação do Portal Terceiro Tempo recebeu o seguinte e-mail de Fabio Wajngarten, sobre o artigo os Os realities e a TV brasileira.

Abaixo, confira o conteúdo do e-mail:

Muito se fala da falta de criatividade da TV Brasileira, mas poucos conhecem as verdadeiras dificuldades para criar, desenvolver, produzir, comercializar e exibir um conteúdo de qualidade.

Quem é que não se recorda do 29 de Janeiro de 2002 quando estreou o BBB?!?! E a inesquecível Casa dos Artistas com transmissão simultânea no rádio em 2001???!!! Quem esqueceu da prova de comida do Programa “No Limite” ???Quem nunca se imaginou numa das provas do Aprendiz???

No mundo, o gênero de programação denominado reality show ou show da vida real, faz sucesso há muitos anos. Como exemplo temos o Survivor nos EUA indo para a 30 temporada, o Amazing Race indo para a 26, o American Idol indo para a 14. É obvio que depois de alguns anos todos os formatos precisam de novo oxigênio, alguma plástica, daí surgem X Factor indo para 4 temporada, Rising Star indo para a 2, citando nomes no campo da competição musical.

A TV Brasileira tão reconhecida pela qualidade das suas novelas, teve em 2014 um conteúdo impecável demonstrando que quando bem feito, o anunciante adere e a audiência aplaude. Esse conteúdo chama-se MasterChef. Um show da vida real, no campo da competição culinária, com 3 chefes de cozinha renomados que mais pareciam grandes e consagrados apresentadores. O resultado foi certeiro! Na sua final, liderou a audiência em SP e no Rio certamente deixando contente os executivos da BAND, as agências e anunciantes que apostaram na 1 temporada do formato. Não é à toa que as inscrições para a próxima temporada já estão abertas.

Qual a lição para as emissoras verde-amarelas?

A mídia TV agrega, gera assunto em família, gera assunto nas redes sociais, demonstra sua força quando bem executada.

Não tenham receio de investir, a audiência está sentada no sofá, no ônibus, no carro, no computador à espera de bons programas. O retorno é certo!

Criatividade em novos formatos, certamente trará novos anunciantes ávidos por um mercado consumidor brasileiro cada vez maior.

Parabéns aos que investiram, inovaram em 2014 e contem comigo para um 2015 ainda melhor!

Saúde à todos,
Fabio Wajngarten

Imagem: Túlio Nassif/Portal TT

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa