Jogador chegou em abril de 2018 e foi titular durante a maior parte da temporada. Foto: Bruno Cantini/Atlético/Via UOL

Jogador chegou em abril de 2018 e foi titular durante a maior parte da temporada. Foto: Bruno Cantini/Atlético/Via UOL

Anunciado pelo Barcelona como novo lateral do clube, o jovem Emerson, de 20 anos, deixou o Atlético-MG por 12,1 milhões de euros (R$ 50,8 milhões). No Galo há menos de um ano, o jogador custou R$ 8,5 milhões e valorizou 588%. Além disso, Emerson deixará o clube como a segunda maior venda da história alvinegra, inferior somente à saída do também garoto Bernard.

Para tirar Emerson da Ponte Preta, os mineiros desembolsaram R$ 4 milhões em um pagamento inicial. Posteriormente, foram pagos mais R$2 milhões à Ponte. O clube ainda cedeu jogadores por empréstimo pagando a integralidade de seus salários - Nathan e Danilo Barcelos, totalizando os custos em R$ 8,5 milhões. Na época, a diretoria precisava correr atrás de um nome para repor a saída de Marcos Rocha, que se transferiu para o Palmeiras. A negociação foi realizada pelo então diretor de futebol Alexandre Gallo.

Como já informado, o valor da venda de Emerson se tornou a segunda maior venda do Galo na história, atrás apenas dos 25 milhões de euros recebidos por Bernard, em 2013. Em outras saídas recentes, o montante foi inferior. Em 2016, o zagueiro Jemerson foi negociado com o Monaco por 11 milhões de euros. No mesmo ano, o lateral esquerdo Douglas Santos foi para o Hamburgo, da Alemanha, por 6 milhões de euros.

Quando contratou Emerson, além do retorno técnico, o Atlético pretendia também valorizar o jogador para uma eventual venda no futuro. Hoje com 20 anos, o jogador tinha contrato até dezembro de 2022, mas uma temporada já bastou para chamar a atenção do Barcelona. Ciente que poderia perder seu atleta na janela de transferência (fechada na última quinta-feira), a diretoria se preparou para repor a vaga na lateral. Com uma estratégia bastante parecida, o Galo trouxe o jovem Guga, do Avaí, para ser o herdeiro de Emerson. Apesar de ter começado o ano na reserva de Patric, o jogador de 20 anos é cotado para ser o titular da posição ao longo do ano. Guga firmou um contrato até 2023 e custou cerca de R$8 milhões.

Galo não ficará com todo o montante

Dos pouco mais de R$50 milhões que o Barça pagará ao Atlético, o clube mineiro ficará com 62,5% do valor, o equivalente a R$31,75 milhões. Além disso, outra parte deverá ser descontada para a Ponte Preta. No contrato feito com a equipe de Campinas, ficou acertado que a Macaca deveria receber 12,5% em caso de venda em definitivo até fevereiro deste ano.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa