Brasileiros margearam o Mar Vermelho na décima etapa. Foto: MCH Photography

Brasileiros margearam o Mar Vermelho na décima etapa. Foto: MCH Photography

A dupla brasileira Guilherme Spinelli/Youssef Haddad, com com Mini All4 Racing, completou nesta terça-feira (12) a nona etapa do Rally Dakar em 20º lugar, resultado que a coloca agora no 15º lugar na classificação geral entre os carros, competição liderada pela dupla francesa Stéphane Peterhansel e Edoard Boulanger, que também competem com com Mini All4 Racing.

Os brasileiros completaram o trecho cronometrado de 375 quilômetros entre Sakaka até Neom, com paisagem distinta em relaçã aos dias anteriores, margeando o Mar Vermelho, em 5h24min33s, após partirem da posição 41 entre os competidores das diversas categorias, em razão dos problemas que haviam enfrentado na etapa anterior.

“Por conta das dificuldades no dia de ontem (segunda-feira, 11), nossa posição de saída foi a de número 41. Era até angustiante ver a fila de caminhões na nossa frente antes de largarmos. Por isso mesmo, foi um dia longo, sobretudo nos 200 quilômetros iniciais, tentando ultrapassar os caminhões e UTVs, o que é bem difícil, já que ninguém alivia, mesmo tocando o aparelho de ultrapassagem dentro do carro (que avisa o competidor que vem na frente). Mas mesmo assim tivemos um bom resultado e amanhã a gente vai ter uma oportunidade de fazer uma especial num ritmo ainda melhor", avalia Guiga.

O navegador Youssef Haddad também mencionou a dificuldade com a posição de partida e lamentou um pneu furado no trecho final da especial, mas o saldo acabou sendo positivo, pois o carro está em perfeito estado para a décima etapa do Dakar.

“Esta nona etapa foi um dia bem longo e difícil por conta de nossa posição de largada, saindo atrás de muitos caminhões e fazendo muita poeira, e a gente ainda estava sem ar condicionado, então entrava muita sujeira para dentro do carro também. E faltando uns 70 quilômetros para o final da especial, tivemos um pneu furado, mas o carro está inteiro e melhoramos em relação a ontem e, com uma posição de largada melhor, a tendência é conseguir um ritmo mais forte", projeta Youssef.

O QUE VEM PELA FRENTE...

Nesta quarta-feira (13), para a décima etapa, os competidores enfrentarão um total de 583 quilômetros, sendo 342 de trechos cronometrados, entre Neom e Al Ula, sempre em território saudita, como todo o rali, diga-se.

OUTROS BRASILEIROS NA CATEGORIA CARROS

A outra dupla brasileira que compete na categoria carros, formada pelo estreante Marcelo Gastaldi e o experiente Lourival Roldan, este campeão em 2017 com o piloto Leandro Torres, terminou a nona etapa em 13º lugar e está em 30º na somatória.

ROTEIRO COMPLETO DO RALLY DAKAR/2021

1ª etapa: 03/01 –  Jedá até Bisha – 277 km de especiais, 622 km de percurso total
2ª etapa: 04/01 – Bisha até Wadi Al Dawasir– 457 km de especiais, total de 684 km
3ª etapa: 05/01 –  Wadi Al Dawasir – 403 km de especiais, 630 km no total
4ª etapa: 06/01 – Wadi Al Dawasir até Riad– 337 km de especiais, total de 813 km
5ª etapa: 07/07 – Riad até Burayda – 419 km de especiais, total de 625 km
6ª etapa: 08/01 – Burayda até Ha´il – 485 km de especiais, 655 km no total
Descanso: 9/01 – Competidores recarregam as energias em Há´il
7ª etapa: 10/01 – Ha´il até Sakaka (maratona) – 471 km de especiais, 737 km no total
8ª etapa: 11/01 – Sakaka até Neom – 375 km de especiais, 709 km no total
9ª etapa: 12/01 – Neom – 465 km de especiais, 579 km no total
10ª etapa: 13/01 – Neom até AlUla– 342 km de especiais, total de 583 km
11ª etapa: 14/01 – AlUla até Yanbu – 511 km de especiais, 557 km no total
12ª etapa: 15/01 – Yanbu até Jedá  – 225 km de especiais, 452 km no total

   

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa