Vendido ao Shakhtar, meia deixou o Timão no ano do rebaixamento. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Vendido ao Shakhtar, meia deixou o Timão no ano do rebaixamento. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O bom filho retornou para casa: Willian está de volta ao clube onde surgiu para o futebol e chega com status de titular absoluto, daquelas jogadores que chega, veste a camisa, joga, e muda o patamar da equipe.

De volta ao Corinthians aos 33 anos de idade, Willian deixou o Parque São Jorge em 2007, vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, na época com apenas 19 anos de idade e menos de um ano integrando o elenco profissional do Timão.

Naquele momento, Willian era o grande nome de um time extremamente frágil, então comandado por Paulo Cesar Carpegiani. Extremamente talentoso, muito rápido e habilidoso, o meia que vestia a camisa 10 alvinegra era a válvula de escape de uma equipe sofrível.

Willian deixou o Timão por U$ 19 milhões (cerca de R$ 38 milhões na cotação da época) e foi brilhar na Ucrânia (antes de ter breve passagem pela Rússia e depois construir sólida carreira na Inglaterra). Enquanto isso, o Corinthians seguiu sua vida no pior ano de sua história, que culminou com o rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Se contasse com Willian até o final daquele Brasileirão, o Timão certamente teria se salvado do rebaixamento, que veio na última rodada, com derrota para o Grêmio. O Corinthians terminou a competição apenas um ponto atrás do Goiás, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. É difícil imaginar que com seu melhor jogador naquele ano, a equipe do Parque São Jorge não teria somado ao menos mais dois pontos. Até sua saída, o ent~çao camisa 10 corintiano tinha apenas dois gols, mas somava nove assistências. E muita, muita dor de cabeça aos adversários.

A carreira de Willian fala por si só. O meia é jogador de Copa do Mundo e serviu à seleção brasileira nos mundiais de 2014 e 2018. Jogou em altíssimo nível no Chelsea. Construiu uma carreira dentro das expectativas que gerou lá em 2007. Se tivesse permanecido ao menos mais seis meses no Parque São Jorge, certamente teria evitado a queda histórica do Timão para a Série B.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa