Centroavante está fora dos planos de Abel Ferreira. Foto: Cesar Greco

Centroavante está fora dos planos de Abel Ferreira. Foto: Cesar Greco

Fora dos planos da comissão técnica e da diretoria, e muito rejeitado pela torcida, Luiz Adriano virou um problemão no Palmeiras, que não tem tido sucesso na tarefa de negociar o centroavante. E os motivos são o tempo de contrato e os altos salários.

Colocado no mercado pelo Verdão, Luiz Adriano não despertou o interesse de muitas equipes e as poucas que fizeram sondagens acabaram esbarrando nos altos salários do jogador. Para conseguir se desfazer do atleta, o Verdão precisará bancar ao menos metade dos vencimentos em parceria com o novo clube.

Além disso, simplesmente rescindir com o jogador seria um problema, já que Luiz Adriano tem contrato até junho de 2023. Assim, o clube precisaria arcar com uma alta multa rescisória.

O centroavante vem treinador na Academia de Futebol desde a última semana, realizando atividades separado do restante do grupo comandado por Abel Ferreira e não entrou na lista de pré-inscritos no Mundial de Clubes. Outro fato que ilustra o pouco espaço para o jogador é o fato de a camisa 10, número usado por Luiz Adriano desde sua chegada ao clube, foi repassado ao atacante Rony. 

Segundo informações do Uol Esporte, Luiz Adriano pediu para ser reintegrado ao elenco principal do Palmeiras, mas o pedido foi recusado pela direção do clube.

Até o momento, o clube que mais demonstrou interesse pelo jogador foi o Cerro Porteño, do Paraguai, que sonha em contar com o jogador por empréstimo para a disputa da Libertadores. As negociações, porém, ainda não avançaram.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa