Apontado como substituto de CR7, português João Felix foi comparado a Kaká (Foto: Atletico de Madrid/Angel Gutiérrez)

Apontado como substituto de CR7, português João Felix foi comparado a Kaká (Foto: Atletico de Madrid/Angel Gutiérrez)

Maior contratação da história do Atlético de Madrid, João Feliz recebeu um elogio e tanto de seu treinador, Diego Simeone, que, em entrevista para uma rádio espanhola, comparou o atacante a um craque brasileiro. Para Simeone, João Felix tem algumas características que lembram o ex-jogador Kaká. Para o técnico, porém, seu atleta leva uma vantagem em relação ao ex-camisa 22 do Milan: balança mais as redes.

“Ele é parecido com Kaká. No pouco tempo em que etou com ele vejo isso no seu passo, na verticalidade do jogo. Outro dia na Rússia, o gol que aparece na jogada dele, que joga com o Morata, segue a jogada, no passo violento ele encontra espaço e chuta, chuta de novo", analisou o treinador do Atlético à Cadena Ser. "Ele é um jogador que precisa de espaço. Quando jogadores experientes o marcam não o deixam desenvolver seu jogo", completou o treindor destacando que seu atacante, porém, marca mais gols que Kaká.

Simeone ainda destacou que João Felix João Felix é inevitavelmente comparada ao francês Griezmann, que deixou o Atlético e transferiu-se para o Barcelona, e que isso não é positivo para o português. Criticado em alguns momentos por substituir seu jovem atacante, o técnico argentino ainda explicou que qualquer decisão que tomar sobre o jogador será criticada.

“O problema é que comparam ele com Griezmann, que era quase um Bola de Ouro. Um dia sentei do lado e disse: filme é esse: se você jogar sempre vai se machucar e aí a culpa é minha porque não sei gerir o seu esforço; se você não jogar, a culpa também é minha. E ele entende isso. Não importa o que eu faça com Félix, vou ser sempre criticado, mas é preciso fazer uma boa gestão”, afirmou.

João Felix chegou ao Atlético de Madrid na última janela de transferência justamente para ser o substituto de Griezmann e custou 126 milhões de euros (aproximadamente R$ 546 milhões), tornando-se a quarta transferência mais cara da história do futebol, atrás apenas de Neymar, Mbappé e Philippe Coutinho. O camisa 7 do Atleti é apontado como o sucessor de Cristiano Ronaldo na seleção portuguesa.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    61
  • 2 Pal
    53
  • 3 San
    48
  • 4 Cor
    44
  • 5 São
    43
  • Veja tabela completa