Daniel Paulista

Ex-volante Comercial-SP, Santos, Náutico e Sport

por Túlio Nassif

Daniel Pollo Barion, mais conhecido como Daniel Paulista, nasceu no dia 5 de maio de 1982, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Comanda o Confiança, de Sergipe, desde o dia 12 de março de 2019. Conseguiu o acesso para a Série-B do Campeonato Brasileiro com a equipe sergipana no dia 07 de setembro do mesmo ano.

Em 2015 seguia residindo em Pernambuco, onde trabalha como auxiliar técnico do Sport Recife desde 2014. Em outubro de 2016, após a saída de Oswaldo de Oliveira, Daniel assumiu o comando técnico do Leão da Ilha do Retiro.

No dia 26 de março de 2017, Daniel deixou de ser o treinador principal  do Sport, mas continou sendo funcionário do clube, no cargo de auxiliar. 

Iniciou sua carreira no Comercial-SP, em 2002. As boas atuações o levaram a outros times, como o Santos em 2003 (onde se consagrou campeão Paulista e Brasileiro de 2004), Juventude em 2005, Sertãozinho-SP e São Caetano-SP em 2006. E foi no Azulão, que despontou de vez para o futebol, quando por indicação do técnico Emerson Leão, acertou sua transferência para o Corinthians em 2007.

No Timão teve uma passagem discreta e acabou endo negociado com o Náutico, onde se tornou capitão e líder do time de 2007, na qual evitou o rebaixamento do clube. No final da temporada, estava quase certo o seu retorno ao Parque São Jorge, mas Daniel preferiu o Sport Recife.

Sendo assim, no dia 2 de janeiro de 2008, Daniel se apresentou no time pernambucano e trouxe consigo boa sorte. Foi campeão da Copa do Brasil em junho do mesmo ano pelo Leão. Depois de quase nove meses, foi vendido para o Rapid Bucareste, da Romênia e começou a fazer muito sucesso. Em 2009, após alguns meses de salários atrasados, conseguiu seu passe diante a Fifa e voltou ao Sport assinando um contrato de três anos.

Em 2012, acertou com o Botafogo-SP. Posteriormente foi para o time que o revelou, o Comercial-SP. E em dezembro do mesmo ano, fechou com o Audax-SP. Após oito meses, em agosto de 2013, Daniel foi contratado pelo ABC de Natal a pedido do treinador Roberto Fernandes. Foi dispensado e encerrou sua carreira como jogador.

Movido pelo amor ao futebol, em julho de 2014, Daniel retornou ao Sport para ser estagiário de auxiliar técnico. Entretanto, com a saída de Eduardo Baptista para o Fluminense, passou a comandar interinamente a equipe até a chegada de Roberto Falcão.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES