"A ansiedade é muito grande, a expectativa começou na Grécia e eu em casa, mas estava acompanhando tudo"

"A ansiedade é muito grande, a expectativa começou na Grécia e eu em casa, mas estava acompanhando tudo"

O tetracampeão mundial com a seleção brasileira de futebol, Mario Zagallo, carregou a tocha olímpica nesta quinta-feira. Aos 84 anos de idade, o ex-jogador participou do revezamento em uma cadeira de rodas e comoveu os internautas pelas redes sociais.

Enquanto era apoiado por seu filho, Mário César Zagallo, o ídolo brasileiro recebeu a chama olímpica de Carlos Alberto Parreira.

Pouco antes de participar do evento, Zagallo comentou sobre a honra de carregar a tocha.

“A ansiedade é muito grande, a expectativa começou na Grécia e eu em casa, mas estava acompanhando tudo. A tocha está voltada para o mundo. O mundo é o Brasil. Essa tocha para mim é um símbolo”, disse Zagallo em entrevista ao SporTV.

O ex-técnico do Brasil também aproveitou para falar sobre suas expectativas quanto ao desempenho da seleção olímpica comandada por Rogério Micale.

“Eu estou torcendo. Já tive a felicidade de ganhar um bronze, não era aquilo que eu queria. Ganhando de 3 a 1, perdemos de 4 a 3. Espero que o Brasil ganhe, que eles tragam o ouro”.

Imagem: reprodução SporTV

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa