Ex-técnico do grupo também deu entrevista nesta manhã, na qual negou que tivesse problemas com o elenco

Ex-técnico do grupo também deu entrevista nesta manhã, na qual negou que tivesse problemas com o elenco

Alguns dos jogadores mais experientes do elenco santista, Robinho, Elano, Ricardo Oliveira e David Braz, convocaram uma coletiva nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé, para negar os rumores de que teriam comemorado a saída do técnico Enderson Moreira.

Além da preocupação com a má repercussão do assunto, os quatro jogadores fizeram questão de externar a insatisfação quanto ao vazamento de informações no grupo que eles mantém no WhatsApp, famoso aplicativo de conversas no celular. Todos ressaltaram que não influenciaram na demissão do treinador.

"Se tivéssemos que pedir a cabeça do professor, teríamos feito isso. Nenhum estava comemorando a saída dele. Foi uma decisão do Enderson com a diretoria. E para os juvenis que acabaram mandando mensagem para o Bruno (Giufrida, repórter do GloboEsporte.com): ninguém tem nada com o professor Enderson. O time está bem focado, unido. Agora, foco no próximo jogo." disse Robinho.

"Para os juvenis que mandaram mensagem para o Bruno, do globo.com, esperamos que isso não aconteça mais. Brincadeira nossa no WhatsApp tem de ficar entra a gente", avisou o camisa 7, na coletiva.

O ex-técnico do grupo também deu entrevista nesta manhã, na qual negou que tivesse problemas com o elenco, dizendo que, inclusive, chegou a receber mensagens de apio de alguns jogadores, entre eles, Robinho.

Foto: UOL

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa