A impressionante defesa, evitando o gol de Pelé na Copa de 70. Foto: Divulgação

A impressionante defesa, evitando o gol de Pelé na Copa de 70. Foto: Divulgação

Um dos melhores goleiros de todos os tempos, notabilizado pela impressionante defesa que fez na cabeçada de Pelé na Copa de 1970, no México, o inglês Gordon Banks completaria 83 anos nesta quarta-feira (30).

Banks morreu em 12 de fevereiro de 2019, aos 81 anos, em decorrência de um câncer renal.

Campeão da Copa de 1966, disputada na Inglaterra, Banks chegou à Copa de 1970 como uma das principais estrelas do ótimo time inglês que, no  entanto, acabou parando nas quartas de final, após derrota por 3 a 2 para a Alemanha Ocidental.

A DEFESA MARCANTE

Brasil e Inglaterra travavam uma batalha de altíssimo nível e nervos à flor da pele naquele 7 de junho de 1970 no Estádio Jalisco, em Guadalajara, no México.

Jairzinho, pela direita, cruzou pelo alto e Pelé saltou com estilo e golpeou de cabeça, para baixo, mas Banks conseguiu chegar na bola, que estava à meia altura, interceptando com a mão direita para escanteio.

O Brasil acabou derrotando a Inglaterra, que estava em seu grupo, por 1 a 0, gol de Jairzinho, após bela jogada de Tostão pela direita, que cruzou para Pelé. Este arrumou com açúcar para o ponta-direita brasileiro vencer o grande goleiro inglês.

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE GORDON BANKS NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

ABAIXO, A IMPRESSIONANTE DEFESA DE GORDON BANKS EM 7 DE JUNHO DE 1970, NA COPA DO MÉXICO, PARTIDA QUE O BRASIL VENCEU A INGLATERRA POR 1 A 0.

Da esquerda para a direita, Pelé, Gordon Banks caído no chão após defesa, Nobby Stiles e Jimmy Armifield. Foto: Reprodução Google


Gordon Banks repousando no hospital após acidente. Foto: Site Martiperarnau Magazine


O goleiro da defesa fantástica. Foto: Reprodução Google


Da esquerda para a direita, Bobby Moore, Gordon Banks, Roger Hunt e Martin Peters. Foto: Reprodução do site The Telegraph


Gordon Banks, verificando os dentes de Allan Clarke, em uma brincadeira para acelerar os exames médicos antes da Copa do Mundo de 1970. Foto: Reprodução/In My Ear


Da esquerda para a direita, em pé: Estilos Nobby, Ray Wilson, George Cohen, Jackie Charlton, Roger Hunt, Geoff Hurst, Gordon Banks, Martin Peters e Les Cocker (treinador assistente). Sentados: Bobby Charlton, Bobby Moore, Alf Ramsey, Harold Shepherdson (treinador) e Alan Ball. Foto: Reprodução/In My Ear


Semifinal da Copa do Mundo de 1966. Da esquerda para a direita, à frente na disputa da bola estão: Gordon Banks, Eusebio e George Cohen. Ao fundo, Coluna e Martin Peters observam o lance. Foto: In My Ear


Da esquerda para a direita, Bobby Charlton, Gordon Banks e Eusébio. Foto: Reprodução/In My Ear


Bobby Moore à frente, seguido por Gordon Banks, levam a Inglaterra no início de 1970. Foto: Reprodução/In My Ear


Gordon Banks, em 1963. Foto: Reprodução/In My Ear


Da esquerda para a direita, em pé: Jack Charlton, Gordon Banks, Roger Hunt, Bobby Moore, jogador não identificado e Bobby Charlton. Agachado: Ray Wilson é terceiro, na frente de Bobby Moore. Foto: Reprodução/In My Ear


Personagens de um dos lances emblématicos da Copa de 1970, Gordon Banks e Pelé


Gordon Banks com a lendária camisa da seleção inglesa


Gordon Banks nunca deixou de frequentar estádios de futebol


Gordon Banks nasceu em 1937 e morreu em fevereiro de 2019


O momento que até hoje habita a memória dos amantes do futebol. Banks, protagonizava a defesa mais famosa da história do futebol.


Seleção brasileira entrando em campo no estádio de Wembley, no empate de 1 a 1 contra a Inglaterra, em 8 de maio de 1963. O primeiro é Gylmar, seguido de Mengálvio, Eduardo, Lima e Pepe. O goleiro inglês é o lendário Gordon Banks


O inglês Gordon Banks está entre os melhores arqueiros de todos os tempos. (Foto: Reprodução @goal)


Em 1963 e em 2015


O simpático Gordon Banks em 2015. Foto: Daily Mirror


Pelé dá autografo a Gordon Banks em 04 de junho de 2017, em Birmingham, na Inglaterra. Banks fez, na Copa de 70, a defesa que muitos consideram a mais espetacular de todos os tempos, em cabeçada de Pelé. Foto enviada por João de Matos


O momento que até hoje habita a memória dos amantes do futebol. Banks, protagonizava a defesa mais famosa da história do futebol.


No dia primeiro de dezembro de 1971, Grécia e Inglaterra se enfrentaram. Na fotografia, Giorgos Koudas tenta fazer um gol no lendário Gordon Banks. Foto: Reprodução/Twitter.com/AntiqueFootball

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa