Segundo a revista alemã Kicker, um grupo de jogadores organizou treinos alternativos

Segundo a revista alemã Kicker, um grupo de jogadores organizou treinos alternativos

Do UOL, em São Paulo

A situação de Carlo Ancelotti no Bayern de Munique estava insustentável mesmo antes da equipe ser derrotada pelo PSG por 3 a 0 na Liga dos Campeões. Segundo a revista alemã Kicker, um grupo de jogadores organizou treinos alternativos sem o treinador nas últimas semanas e Robben até teria criticado muito o técnico nos bastidores.

De acordo com a publicação, Arjen Robben disse nos bastidores do Bayern de Munique que "no time de crianças filho era mais bem treinado que no time principal".

Além disso, o holandês e estrelas do time como Manuel Neuer, Thomas Muller e Jerome Boateng tomaram a atitude de realizar treinos em horários alternativos por não estarem de acordo com os métodos do treinador italiano.

O preparador físico do clube Giovanni Mauri também foi alvo de críticas dos jogadores, infelizes com seus trabalhos. O profissional também deixou o clube no começo da última semana junto com Carlo Ancelotti.

Foto: KAI PFAFFENBACH / REUTERS (Retirada do Portal UOL)

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa