O técnico de Honduras reclamou e duvidou da decisão, mas como questionar algo exato?

O técnico de Honduras reclamou e duvidou da decisão, mas como questionar algo exato?

A tecnologia no futebol é vista como vilã para algumas tradicionais personalidades do esporte. Dizem que a inovação pode tirar a graça do espetáculo e a polêmica do dia seguinte. Discordo, pois os ingleses foram prejudicados contra os alemães na última Copa do Mundo, na ocasião, o árbitro viu que a bola entrou e não validou o gol legítimo dos ingleses, que empataria o duelo em 2 a 2. No final, os alemães venceram por 4 a 1.

Hoje foi diferente, o árbitro brasileiro, Sandro Meira Ricci, entrou para a história ao validar o gol da seleção francesa com a ajuda da tecnologia. Benzema chutou, a bola bateu no goleiro Valadares e aí surgiu a polêmica, a bola entrou ou não?

O brasileiro recebeu um aviso através do sistema tecnológico, a bola entrou e o gol foi válido. Justiça foi feita. O técnico de Honduras reclamou e duvidou da decisão, mas como questionar algo exato? A França venceu por 3x0.

A TV mostrou o lance e também com a ajuda da tecnologia, concordou, a bola entrou. O gol foi legitimo e entrou para a história das Copas, do futebol, da modernização e da justiça!

Foto: UOL

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa