Guilherme Bellintani, presidente do Bahia. Foto: divulgação

Guilherme Bellintani, presidente do Bahia. Foto: divulgação

O Bahia deixou o Itaquerão na bronca no último sábado (21), quando da derrota para o Corinthians pelo placar de 2 a 1. Os tricolores reclamaram demais de um possível pênalti não marcado por Dewson Fernando Freitas ainda no primeiro tempo, quando o duelo estava empatado em 0 a 0.

E as reclamações seguiram durante a semana, até mesmo por parte do presidente do clube, Guilherme Bellintani. "A arbitragem brasileira está uma vergonha. Mesmo com o VAR, que sou favorável. Eu luto pelo VAR e não é o VAR o responsável por essas loucuras. O VAR alertou ao juiz sobre o pênalti, ele foi ver e não marcou. Fora diversos outros erros ao longo do jogo. Mostrou uma incapacidade absurda. Um medo absurdo de não prejudicar o Corinthians e acabou prejudicando o Bahia”, protestou.

"É um árbitro de péssima qualidade. Esse árbitro, se não me engano, tem 14 jogos e o Corinthians ganhou 12, empatou um e perdeu um. Realmente é um árbitro que quando entra no jogo do Corinthians, fica difícil ter outro resultado", finalizou.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    61
  • 2 Pal
    53
  • 3 San
    48
  • 4 Cor
    44
  • 5 São
    43
  • Veja tabela completa