Como a estreia de Daniel Alves no São Paulo pode ser o ponto de virada do Brasileirão. Foto: Facebook SPFC

Como a estreia de Daniel Alves no São Paulo pode ser o ponto de virada do Brasileirão. Foto: Facebook SPFC

Está registrado na história da fantasia "nerd" desde maio de 2011; nos quadrinhos, no desenho animado e no seriado da TV; quando tudo está fora de lugar, determinados heróis têm a capacidade de voltar no tempo e restabelecer as coisas no bom rumo, mudando a história. Assim fez Barry Allen, o homem mais rápido do mundo, apelidado Flash, nos contos pintados pela DC Comics; inconformado pela morte da mãe, foi ao passado salvá-la, obtendo seu intento e mudando o curso de todos o planeta. Daniel Alves fez isso ontem, no Morumbi, ao estrear pelo São Paulo com um gol. Tudo mudou.

Como o velocista escarlate das revistinhas, o "Good Crazy" alterou a linha temporal do Brasileirão. De torneio quase decidido, com o Palmeiras nadando de braçada até a Copa América, encerrou a 15a. rodada do Campeonato Brasileiro, terminou com um interesse inédito em 2019. Tanto que essa rodada teve a maior média de público do certame, com 31 mil torcedores por partida; mesmo que  Grêmio x Palmeiras, em Porto Alegre, pouca gente para assistir ao "show dos reservas". Além da bilheteria cheia, esse fim de semana, o da estreia de Dani Alves, marcou a virada competitiva de que a temporada precisava.

Se no desenho o Batman não era Bruce, mas Tomas Wayne, na nova realidade do futebol nacional, o Santos é o líder, com a ponta da tabela ameaçada. Enquanto seu zagueiro Gustavo Henrique coleciona expulsões, seus rivais flamenguistas escalam a tabela na velocidade de Joel Ciclone e estão a apenas dois pontos do líder. O Palmeiras, antes imbatível, caiu para terceiro e vê Atlético-MG, Corinthians e... o Tricolor de Dani Alves crescendo em seu retrovisor. Competitvidade de realidade alternativa, classificação de Premier League no Campeonato Brasileiro. Só pode ter sido um super-herói.

Mesmo que esse impulso que chacoalhou o pote do nosso campeonato seja efêmero, suas circunstâncias ficarão por um bom tempo repercutindo por aí, assim como Barry, que acordou da sua viagem na Força de Aceleração casado com Iris West, do qual era apenas o que a molecada chama de "crush" (paquera, em bom português). Com os pontos corridos sendo o único objetivo de três dos seis melhores times do país e apenas 11 pontos separando o líder do décimo colocado, veremos uma corrida ainda mais equilibrada pelo título.

Pelas sandálias de Hermes

Inscreva-se no canal Diário de Narrador, no YouTube.

Redes Sociais: Twitter e Instagram: @marcelonarrador

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    39
  • 2 San
    37
  • 3 Pal
    36
  • 4 Cor
    32
  • 5 São
    31
  • Veja tabela completa