Assis defendeu o Fluminense nos anos 60. Foto: Divulgação

Assis defendeu o Fluminense nos anos 60. Foto: Divulgação

Morreu na noite da última quarta-feira (9), aos 76 anos, Assis, ex-zagueiro do Fluminense e do Sport. A causa da morte não foi informada.

Em seu Instagram, o Fluminense lamentou o falecimento do ex-atleta.

"O Fluminense lamenta a perda, na noite desta quarta-feira, (09/09), do ídolo Tricolor Francisco de Assis Luz da Silva, o Zagueiro Assis, de 76 anos, e, em homenagem ao atleta, cumprirá um minuto de silêncio na partida contra o Corinthians, no próximo domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O atleta participou de mais de 400 jogos, com a camisa Tricolor, como quarto zagueiro. Foi campeão brasileiro em 1970 e campeão estadual em 1969, 1971, 1973 e 1975", publicou o clube em sua rede social.

Francisco Assis de Luz e Silva vivia em Ananindeua, na Grande Belém (PA), onde trabalhava com escolinha de futebol. Além do Fluminense, defendeu com sucesso a camisa do Sport Club do Recife.

CLIQUE AQUI E CONHEÇA A CARREIRA DE ASSIS NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

O Flu, todo de branco, no Maracanã. Em pé, da esquerda para a direita: Félix, Toninho, Carlos Alberto Pintinho, Bruñel, Assis e Marco Antonio. Agachados: Marquinhos, Kléber, Dionísio, Manfrini e Lula. Reprodução da Revista Placar, enviada por Walter Roberto Peres

 

Time do Fluminense, campeão da Taça de Prata de 1970. Em pé, da esquerda para a direita: Oliveira, Félix, Denílson, Galhardo, Assis e Marco Antonio. Agachados: Cafuringa, Didi, Mickey, Samarone e Lula. Reprodução da Revista Placar, enviada por Walter Roberto Peres

 

Nesta foto estilizada com os gomos de uma bola estão, da esquerda para a direita: Oliveira, Mickey e Assis. Mickey está fazendo o seu gesto característico, de paz e amor. Foto enviada por Walter Roberto Peres e publicada na Revista Placar.

 

O timaço campeão da Taça de Prata de 1970. Formação da equipe na vitória contra o Palmeiras, no Morumbi, por 3 a 0 (três gols de Flávio Minuano). Em pé: Oliveira, Félix, Galhardo, Denílson, Assis e Marco Antônio. Agachados: Cafuringa, Didi, Flávio Minuano, Samarone e Lula. Foto enviada por Walter Roberto Peres e publicada na "Revista Manchete"

 

Em pé, da esquerda para a direita, vemos: Félix, Toninho, Pintinho, Silveira, Assis e Marco Antônio. Agachados: Rubens Galaxie, Cléber, Dionísio, Manfrini e Lula. A foto, da Revista Manchete, foi enviada por Walter Roberto Peres.

 

Em pé: Oliveira, Félix, Denílson, Galhardo, Assis e Marco Antônio. Agachados: Cafuringa, Didi, Mickey, Cláudio e Lula.

 

Foto do Fluminense de 1970 enviada pelo internauta Walter Peres. Na primeira fila, de cima para baixo, vemos jogador não identificado, Galhardo, Denílson, Paulo Lumumba, Toninho, Assis e jogador não identificado; na fila do meio estão Oliveira, jogador não identificado, Cláudio Garcia, Jorge Vitório, Jairo, Silveira e Paulo Amaral; agachados Wilton, Mickey, Didi, jogador não identificado, Jair, Lula, jogador não identificado, Cafuringa e Flávio

 

Vejam o Fluzão em 1971 com Oliveira, Félix, Silveira, Galhardo, Denílson, Assis e Marco Antônio em pé e Wilton, Didi, Cláudio Garcia, Ivair e Lula agachados

 

Em pé: Oliveira, Félix, Denílson, Galhardo, Assis e Marco Antônio. Agachados: Cafuringa, um mascotinho que parece ser filho do quarto-zagueiro Assis (será?), Didi, Flávio, Ivair e Lula

 

Fluminense campeão da Taça de Prata, ou Roberto Gomes Pedrosa, de 1970. Em pé: Assis, Osmar, Denílson, Galhardo, Félix e Oliveira. Agachados: massagista Santana, Wilton, Suingue, Ademar Pantera, Samarone e Lula. E o mascotinho que está com Ademar Pantera é o filho do saudoso atacante. Ele é conhecido como Tonelada e trabalha hoje como segurança

 

Treino do Fluminense em 1970. Da esquerda para a direita: Assis, Jorge Vitório, Gerson e um dirigente. Foto: reprodução

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa