Treinador afirmou que não receberá nenhum salário do período em que dirigiu o clube carioca. Foto: Vasco/Divulgação

Treinador afirmou que não receberá nenhum salário do período em que dirigiu o clube carioca. Foto: Vasco/Divulgação

Praticamente rebaixado, o Vasco da Gama não seguirá com o técnico Vanderlei Luxemburgo para a temporada 2021. Em vídeo publicado no canal oficial do clube, o treinador confirmou que não faz parte dos planos da direção para a provável disputa da Série B, e deixará São Januário após a partida contra o Goiás, pela última rodada do Brasileirão, nesta quinta-feira (25), no estádio vascaíno.

“O Vasco da Gama entendeu que não deveria dar continuidade ao meu trabalho para a próxima temporada, em função da reestruturação que o clube vai passar. Entendo que isso faz parte de um processo natural do futebol. O Vasco foi para a segunda divisão, seu orçamento obviamente diminuiu bastante, e a diretoria está fazendo tudo aquilo que tem que ser feito para uma reestruturação”, disse Vanderlei no comunicado.

Luxa ainda afirmou que tem um acordo com a direção vascaína para que não receba seus salários em caso de rebaixamento. Com a situação praticamente irreversível na luta contra a queda, o treinador confirmou que não receberá nenhum valor.

“O que eu falei quando cheguei, que só aceitaria salário se o Vasco seguisse na primeira divisão, tem um documento preparado pelo (Alexandre) Pássaro para eu assinar abrindo mão dos dois meses de salário. Eu sou um cara de palavra. Não mantive o Vasco na primeira divisão, então não tenho direito a receber absolutamente nada”, explicou.

O treinador foi anunciado pelo Vasco em dezembro de 2020. Ao todo, o Luxa comandou a equipe em 11 partidas do Brasileirão, conquistando apenas duas vitórias.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa