Leonardo falou também na possibilidade de renovar os contratos dos seus principais jogadores. Foto: Divulgação

Leonardo falou também na possibilidade de renovar os contratos dos seus principais jogadores. Foto: Divulgação

O PSG está confiante de que não perderá suas grandes estrelas nesta janela de transferência. Quem indica isso é o brasileiro Leonardo, diretor de futebol do clube francês. Para o ex-jogador e hoje cartola, a crise financeira causada pelo novo coronavírus impedirá que os times tenham dinheiro para contratações acima de 100 milhões de euros. E, para contratar Neymar ou Mbappé, o clube interessado precisará desembolsar um valor superior a esse.

"Não acredito que haverá transferências de 100 milhões de euros. Ninguém pode gastar muito dinheiro, nem nós", disse em entrevista ao “Le Journal du Dimanche".

Leonardo falou também na possibilidade de renovar os contratos dos seus principais jogadores.

“Nós preferimos pensar no depois com eles. Queremos seguir em frente. O Mbappé é o futuro do PSG. É isso que todo mundo quer. O ideal seria estender. Mas, calma. Vamos aproveitar porque é algo enorme. Depois, precisamos encontrar a solução para continuar a aventura juntos", continuou o cartola.

O dirigente encerrou falando sobre a inatividade do PSG no atual mercado da bola.

"Teremos que ser criativos, encontrar boas soluções que não sejam muito caras. Muitos nomes estão circulando, mas nenhuma oferta foi feita. Não é o momento. A interrupção foi brutal, e acho que ainda estamos nessa perspectiva. Trocar jogadores como Thiago Silva ou Cavani não é simples. Então, vamos começar novamente em um ano de transição, sem bling-bling", completou.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Ath
    6
  • 2 Atl
    6
  • 3 Grê
    4
  • 4 Atl
    3
  • 5 Spo
    3
  • Veja tabela completa