Volante alviverde foi flagrado em balada clandestina por torcedores palmeirenses. Foto: Cesar Greco

Volante alviverde foi flagrado em balada clandestina por torcedores palmeirenses. Foto: Cesar Greco

O volante Patrick de Paula foi flagrado na noite do último domingo (20) em uma suposta festa clandestina em São Paulo, e deve ser punido pela direção palmeirense. O jogador foi hostilizado por torcedores alviverdes que o encontraram  na saída de uma balada na zona leste da capital paulista.

Segundo o colunista do Uol Esporte, Danilo Lavieri, Patrick já conversou com a direção palmeirense e confirmou a presença na festa. O episódio terá consequência para o volante, que sofrerá multa em seu salário e será afastado por tempo indeterminado do restante do elenco.

Em comunicado, o clube lamentou o ocorrido e informou que "aplicará as sanções administrativas máximas determinadas pelo seu regulamento interno"

O volante é o segundo jogador punido pela direção palmeirense em um intervalo de menos de quatro dias. Na madrugada da última quinta-feira, o meia Lucas Lima também foi flagrado em uma balada clandestina, e acabou multado e afastado do elenco. De acordo com o comunicado palmeirense "os atletas ficam afastados dos treinamentos até determinação do Departamento de Futebol". 

Patrick de Paula já havia sido comunicado de outra multa aplicada pela direção por entrar em campo com um piercing na orelha na partida diante do América-MG. O jogador ficou seis minutos fora de campo para retirar o brinco e gerou grande irritação na direção e na comissão técnica da partida.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa