Britânico definiu sua 81ª vitória no final da prova em Hungaroring. Foto: Mercedes-AMG F1

Britânico definiu sua 81ª vitória no final da prova em Hungaroring. Foto: Mercedes-AMG F1

O britânico Lewis Hamilton venceu o GP da Hungria, 12ª etapa do Mundial de Fórmula 1, disputada neste domingo (4) no circuito de Hungaroring. Foi seu 81º triunfo na categoria em que estreou em 2007, então pela McLaren-Mercedes. O resultado o deixa a dez vitórias do recorde absoluto que pertence a Michael Schumacher.

A definição da prova, porém, só aconteceu a três voltas do final, quando Hamilton conseguiu superar Verstappen, que liderava de ponta a ponta após uma largada perfeita a partir da pole, primeira de sua carreira, aliás.

A Mercedes foi perfeita em uma derradeira troca de pneus para Hamilton tentar alcançar o holandês, que já não tinha aderência em sua Red Bull. Antes, na volta 39, Hamilton tentou o bote sobre Verstappen, mas o holandês respondeu com destreza e frieza para manter-se na liderança. 

Com os compostos macios da Pirelli, Hamilton fez a vantagem do holandês despencar, até encostar definitivamente no giro 67. A manobra que lhe rendeu a liderança foi sem sobressaltos, por fora, na curva 1, mas com Verstappen não tendo como evitar, a ponto de em seguida ir aos boxes para uma nova troca de pneus, garantindo-se em segundo lugar e ganhando o ponto de bonificação pela volta mais rápida.

O último lugar no pódio também foi definido no final, na disputa entre os dois carros da Ferrari, quando Vettel ganhou a posição de Leclerc. Carlos Sainz Jr., com a McLaren, foi o quinto e Pierre Gasly (Red Bull) fechou a lista dos seis primeiros.

CAMPEONATO

Com a vitória, Hamilton chega aos 250 pontos, 62 de vantagem sobre o segundo colocado, Bottas, que está com 188. Max Verstappen, o terceiro, se aproximou mais do finlandês, com 181. Vettel é o quarto, com 156, seguido por Leclerc, que tem 132.

PRÓXIMA ETAPA

A F1 faz uma pausa e retorna apenas em 1º de setembro, com o GP da Bélgica, no tradicional circuito de Spa-Francorchamps. No ano passado a pole foi de Hamilton, com 1min58s579. Vettel venceu, com Hamilton em segundo e Verstappen em terceiro.

 


  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR TODAS AS COLUNAS DE MARCOS JÚNIOR MICHELETTI

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa