Treinador do Santos espera a contratação do camisa 10. Foto: Mailson Santana/Fluminense

Treinador do Santos espera a contratação do camisa 10. Foto: Mailson Santana/Fluminense

O técnico Fernando Diniz falou publicamente pela primeira vez sobre o desejo de contar com o meia Paulo Henrique Ganso. Torcendo pela contratação do camisa 10 do Fluminense, o treinador do Santos acredita que o negócio seria bom para todos os lados envolvidos. O desfecho dessa novela, porém, está longe de terminar.

Após vitória do Peixe sobre o Cianorte, na última terça-feira (1), pela Copa do Brasil, Diniz destacou que espera contar com Ganso.

“É um assunto interno. Resolvemos internamente. Ganso teve grande participação comigo no Fluminense. Se puder voltar, seria bom para todo mundo, mas tratamos disso internamente”, declarou o treinador, que trabalhou com o meio-campista no Tricolor das Laranjeiras em 2019.

Apesar da vontade do treinador, as negociações para contratar o camisa 10 estão paralisadas. A direção alvinegra colocou o meia no radar e tentou uma contratação por empréstimo até o final do ano.

Dois elementos colaboraram para que o negócio não avançasse no primeiro momento. Primeiro é o alto salário do jogador: o Santos não tem condições de arcar com os vencimentos de Ganso e tentou convencer o Fluminense a ceder o atleta pagando a maior parte dos salários. A direção do Flu não se empolgou com a condição.

O outro ponto é a rejeição da torcida santista: segundo informações do Uol Esporte, a direção do Peixe recusou na negociação após o interesse no jogador gerar grande rejeição em parte dos torcedores. O fato de Ganso não se destacar há algumas temporadas e estar na reserva do Fluminense pesam na imagem do jogador. Outro ponto de grande rejeição é a forma como o camisa 10 deixou a Vila Belmiro em 2012: Ganso forçou sua saída na oportunidade e acertou com o São Paulo, recusando ofertas santistas para permanecer no clube e dando várias declarações públicas de insatisfação.

De acordo com a Gazeta Esportiva, Ganso deseja voltar ao Santos e tenta convencer o Fluminense a liberá-lo. O empresário do jogador, Giuseppe Dioguardi, tem trabalhado nas negociações que envolvem os presidentes do Peixe e do Tricolor.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa