Camisa 10 da seleção deve ser escalado como homem mais avançado no ataque. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Camisa 10 da seleção deve ser escalado como homem mais avançado no ataque. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A seleção brasileira entra em campo nesta quinta-feira (24), para encarar o Chile, no estádio do Maracanã, às 20h30, em jogo válido pela 17ª rodada das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo no catar.

Líder isolado da competição com 39 pontos e já classificado, o Brasil vem de vitória por 4 a 0 sobre o Paraguai. Já os chilenos ocupam a 6ª posição, com 19 pontos e vem de vitória sobre a Bolívia.

Brasil deve ter formação diferente

No lado brasileiro, o técnico Tite deve aproveitar a partida para fazer experiências especialmente no ataque. A tendência é que o treinador escale Neymar atuando como jogador mais avançado, servido por Antony, Paquetá e Vinicius Junior. Na lateral-esquerda, Guilherme Arana deve ganhar oportunidade.

Chile joga a vida no Maracanã

O Chile joga quase por um tudo ou nada no Maracanã, ainda com chance de ir ao Mundial, já que está a dois pontos do Peru, que ocupa hoje o quinto lugar, posição que garante vaga na repescagem. Para a partida decisiva, o técnico Martín Lasarete não poderá contar com  Eugenio Mena, Tomás Alarcón e Francisco Sierralta e Luis Jiménez e Brereton por lesão. Erick Pulga por Covid-19. Brayan Cortés suspensos.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

BRASIL: Alisson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Arana; Casemiro, Fred, Lucas Paquetá; Antony, Vinicius Jr e Neymar.

CHILE: Bravo; islã, Medel, Roco e Suazo; Baeza, Vidal, Aranguiz e Valdés; Vargas e Sánchez.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa