Emoção para os irmãos Fittipaldi, Marinho, Bird Clemente, Ingo Hoffmann e Chico Serra, entre outros, que estiveram no evento

Emoção para os irmãos Fittipaldi, Marinho, Bird Clemente, Ingo Hoffmann e Chico Serra, entre outros, que estiveram no evento

Reportagem e fotos: Marcos Júnior/Portal TT

A 5ª edição do Velocult, Semana Cultural da Velocidade, exposição de carros que acontece até o próximo dia 29 de março no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista, realizou na noite da última segunda-feira, 17, um coquetel e uma cerimônia em homenagem a grandes nomes do automobilismo brasileiro, pilotos e construtores.

No evento, iniciativa do artista plástico Paulo Soláriz, com o patrocínio master da Petrobras e apresentado pelo jornalista Celso Miranda, um Hall da Fama eternizou as mãos de Emerson Fittipaldi, Wilsinho Fittipaldi, Mario Cesar de Camargo Filho (o Marinho), Bird Clemente, Ingo Hoffmann, Chico Serra e Paulo Gomes.

Wilsinho foi um dos principais homenageados, por sua trajetória como construtor, notadamente na Fórmula 1, como idealizador e criador da única equipe brasileira na Fórmula 1, a Fittipaldi. O primeiro carro da equipe, inclusive, que foi restaurado pela Dana, o FD-01, está exposto no saguão do Conjunto Nacional.

Wilsinho recebeu das mãos de Paulo Soláriz uma escultura estilizada do FD-01. O artista plástico também confeccionou um modelo para Emerson Fittipaldi, da McLaren M23 com a qual ele conquistou seu bicampeonato na F1, há 40 anos, em 1974.

Outra escultura de Paulo Soláriz foi confeccionada para a piloto Bia Figueiredo, que neste ano completa 20 anos de carreira automobilística.

O público que lotou o auditório do Cine Livraria Cultura aplaudiu em pé o ex-piloto Marinho, que além da homenagem do Velocult também foi agraciado com uma menção honrosa da prefeitura de Piracicaba, cidade do interior paulista onde ele se notabilizou como o maior vencedor de corridas de rua, como piloto oficial da equipe DKW-Vemag.

Outros ex-pilotos também foram homenageados, entre eles Alex Dias Ribeiro, Chiquinho Lameirão e Maneco Cambacau. O empresário Eduardo Souza Ramos, ligado ao automobilismo, também recebeu um troféu das mãos de Paulo Gomes, primeiro campeão da Stock Car, em 1979.

Outros agraciados foram os construtores Toni Bianco e Anísio Campos, Jorge Lettry (in memoriam), chefe da equipe DKW-Vemag, Miguel Crispim Ladeira, principal mecânico da equipe DKW-Vemag, o ex-piloto e empresário Piero Gancia, representado por seu filho Carlo Gancia, Sid Mosca, representado por seu filho Alan Mosca, e os jornalistas Isabel Reis (da Motorpress Brasil) e Reginaldo Leme, que cobriu a F1 na Austrália e foi representado por sua filha Daniela Leme.

A exposição Velocult, no Conjunto Nacional (Av. Paulista, 2073), permanece até o dia 29 de março. De segunda à sábado das 8h às 22. Domingos e feriados das 11h às 22h. Grátis.

Wilsinho Fittipaldi, muito emocionado, entre Chico Serra e Paulo Soláriz. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Gênios do automobilismo brasileiro, Marinho e Bird Clemente. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Paulo Gomes, Emerson Fittipaldi, Marinho e Ingo Hoffmann deixam suas marcas nas formas de cimento para o Hall da Fama do Velocult. À direita, Paulo Soláriz, organizador do evento. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Alex Dias Ribeiro, um dos homenageados, no palco do Cine Livraria Cultura. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Wilsinho Fittipaldi, Bird Clemente e Chico Serra estampando suas mãos no cimento. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Bia Figueiredo, completando 20 anos de carreira automobilística em 2014, ao lado do jornalista Celso Miranda,  que apresentou o evento. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

A escultura que Bia Figueiredo ganhou de Paulo Soláriz. Os cabelos esvoaçantes da piloto na obra do artista plástico. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Exposto no saguão do Conjunto Nacional, o lendário DKW-Vemag de Mario Cesar de Camargo Filho, o Marinho, piloto imbatível nos circuitos de rua brasileiros. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Primeiro carro da equipe Fittipaldi, o FD-01, restaurado pela Dana, com o qual Wilsinho Fittipaldi disputou a temporda de 1975 na Fórmula 1, exposto no saguão do Conjunto Nacional. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Outra carro mítico do automobilismo brasileiro: a Berlineta Interlagos 22 de Bird Clemente. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

O Opala de Paulo Gomes, primeiro campeão da Stock Car, em 1979. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Escultura do Fittipaldi FD-01 confeccionada por Paulo Soláriz a Wilsinho Fittipaldi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Emerson Fittipaldi, bicampeão da F1, campeão da Indy, duas vezes vencedor das 500 Milhas de Indianápolis ao lado de Chico Serra, que foi seu piloto na equipe Fittipaldi, tricampeão da Stock Car. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Marinho, o "Rei de Piracicaba", vencedor de todas as provas que disputou na cidade, com DKW Vemag. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Público em pé para aplaudir Marinho, ex-piloto da equipe DKW-Vemag, entre eles o jornalista Flavio Gomes, grande colecionador da marca. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Emoção de Marinho, após uma longa salva de palmas durante o Velocult/2014. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Crispim, principal mecânico da equipe DKW-Vemag e o ex-piloto Chiquinho Lameirão. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Carlo Gancia, filho do saudoso ex-piloto e empresário Piero Gancia e Daniela Leme, filha do jornalista Reginaldo Leme. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Alan Mosca, filho de Sid Mosca (responsável pelas pinturas nos capacetes de inúmeros pilotos), e Paulo Soláriz. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Paulo Gomes entrega troféu ao empresário Eduardo Souza Ramos, grande incentivador do esporte a motor. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Os construtores de carros foram homenagedos. Entre eles, Toni Bianco e Anísio Campos. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Luiza e Bird Clemente com o filho do casal, Bruno Clemente. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Paulo Gomes, primeiro campeão da Stock Car, e o jornalista Dinho Leme. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Paulo Soláriz, idealizador e realizador do Velocult. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Promotoras da Petrobras, patrocinadora master do Velocult. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

O jornalista Lito Cavalcanti e Bruno Clemente, filho de Bird Clemente. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

A dupla da equipe Petrobras Mitsubishi no rali: Youssef Haddad (navegador) e o piloto Guilherme Spinelli, o Guiga. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    64
  • 2 Pal
    54
  • 3 San
    51
  • 4 São
    46
  • 5 Cor
    44
  • Veja tabela completa