Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

Keno, para muitos atleticanos, foi o grande destaque do Galo neste primeiro turno de Campeonato Brasileiro. No entanto, o atacante não marca desde a 15ª rodada, quando o Atlético-MG venceu o Goiás pelo placar de 3 a 0.

Coincidentemente ou não, o Atlético-MG tem sofrido no Brasileirão neste período de “seca” de seu artilheiro. Ainda assim, o jogador rechaça a hipótese de existir “kenodependência” por parte da equipe.

"Não, eu acho que o Atlético não depende só de mim, tem muitos jogadores qualificados no time. Eu acho que eu ajudo quando eu estou em campo. Se eu não estiver, eu sei que quem for estar no meu lugar vai ajudar também", disse Keno.

O jogador falou também sobre a pressão por parte da torcida por melhores resultados.

"A pressão motiva também a gente. A gente tem que colocar a cabeça no lugar que a gente deu uma caída (...) Essa pressão tem que chegar para o grupo se reunir, sentar e conversar, porque se a gente colocar isso na cabeça, dentro de nós, a gente vai chegar em campo e conseguir colocar em prática", concluiu.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa