Presidente corintiano seguirá como diretor de futebol do clube. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

Presidente corintiano seguirá como diretor de futebol do clube. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

Vivendo os últimos meses de seu mandato a frente do Corinthians, Andrés Sanchez se afastou da presidência do clube. Na última quarta-feira (12), o cartola tirou licença do cargo, permitindo que seu vice, Alexandre Husni, assuma o cargo.

Andrés segue no cargo de diretor de futebol e não se afastará das atividades no clube. A medida foi uma forma de homenagear seus vices, que ficarão na presidência nos últimos meses da gestão. Husni assume até o próximo dia 30. Depois a licença se renovará e Edna Murad, outra vice-presidente, é quem comandará o Timão no mês de dezembro.

Mesmo afastado da presidência o dirigente seguirá viajando com a equipe e comandando o futebol alvinegro.

Andrés deixará o comando do Timão na virada do ano. O clube passa por eleições no próximo dia 28 de novembro, quando sócios escolherão um novo presidente. Duílio Monteiro Alves (apoiado por Andrés), Mario Gobbi e Augusto Mello são os candidatos a ocupar o cargo nos próximos três anos.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa