Jorge Ben Jor e Moraes Moreira fizeram lindas homenagens ao maior ídolo rubro-negro. Foto: Divulgação

Jorge Ben Jor e Moraes Moreira fizeram lindas homenagens ao maior ídolo rubro-negro. Foto: Divulgação

O futebol serviu como pano de fundo para muitas músicas.

Clubes e jogadores receberam muitas homenagens.

Zico, o Galinho de Quintino, que completa 68 anos nesta quarta-feira (3), ganhou duas canções, compostas por Jorge Ben Jor e do saudoso Moraes Moreira (1947 - 2020), que era seu amigo particular.

Maior ídolo rubro-negro, Zico chegou à Gávea em 1967, muito franzino mas dotado de um talento fora do normal.

Um intenso trabalho de fisiologia, em um época em que esta ciência dava seus passos iniciais no esporte, foi fundamental para que o menino ganhasse massa muscular e alguns centímetros em sua estatura, para que pudesse estrear profissionalmente pelo time da Gávea em 1971, para sempre ser titular, a ponto de inspirar os versos dos compositores citados.

“Camisa 10 da Gávea” , de Jorge Ben Jor (apenas Jorge Ben na época da composição), faz alusão à principal habilidade de Zico.

Abaixo, durante entrevista de Moraes Moreira e Zico, o cantor e compositor baiano canta "Saudades do Galinho", feita quando o jogador se despedia do Flamengo para jogar na Udinese, da Itália. A canção começa com versos que derramam emoção: "Agora como é que eu fico, nas tardes de domingo, sem Zico no Maracanã..."

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE ZICO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa