Tévez, em 2005, quando foi campeão brasileiro pelo Corinthians. Foto: Ag. Corinthians

Tévez, em 2005, quando foi campeão brasileiro pelo Corinthians. Foto: Ag. Corinthians

“Volta, Carlitos!”. Este pedido, imortalizado pelo jornalista Chico Lang em seus programas na TV Gazeta desde a saída de Tévez do Corinthians, em 2006, voltou à boca da Fiel na última semana. Isso porque o jornal argentino TyC Sports noticiou que o atacante, prestes a encerrar o seu contrato com o Boca Juniors, poderia voltar ao Parque São Jorge no segundo semestre de 2020.

Questionados pela imprensa paulista sobre a possibilidade, os dirigentes alvinegros descartaram o retorno do ídolo alvinegro. Internamente, no entanto, os cartolas veem com bons olhos a recontratação de Carlitos Tevez. Afinal, seria um nome forte com a torcida para blindar o elenco e o técnico Tiago Nunes, que sofrem com cobranças por bons resultados.

A principal dificuldade que o Timão encontra no momento para realizar este sonho é o fato da extrema desvalorização do Real perante o Dólar nos últimos meses. No Boca Juniors, Tevez ganha aproximadamente 5 milhões de dólares por temporada (aproximadamente 29 milhões de reais). Ou seja, para seduzir o atacante, o Alvinegro teria que oferecer um salário compatível, pouco mais de 2 milhões de reais por mês.

E isso seria praticamente impossível para a equipe do Parque São Jorge no momento. Conforme foi amplamente divulgado pela imprensa nos últimos dias, o Corinthians vive uma das maiores crises financeiras de sua história. No ano passado, o clube fechou as contas com um déficit recorde de R$ 177 milhões.

Além disso, Carlitos Tevez, de 36 anos, já repetiu algumas vezes a jornalistas argentinos que a sua vontade é encerrar a carreira no Boca Juniors, seu time de coração.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa