Ex-camisa 10 da Raposa criticou a postura de Ceni no clube. Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Ex-camisa 10 da Raposa criticou a postura de Ceni no clube. Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

A passagem de Rogério Ceni pelo Cruzeiro em 2019 ainda repercute no noticiário. A trajetória curta e polêmica do treinador pela Raposa foi conflituosa e até hoje rende versões entre jogadores do elenco celeste. Camisa 10 daquela equipe, Thiago Neves voltou a falar no assunto e destacou que o treinador já chegou ao clube detonando o grupo de jogadores.

Em entrevista ao canal “Pilhado”, no Youtube, o meio-campista destacou que Rogério foi um pedido dos jogadores à direção do Cruzeiro, mas o treinador chegou “dando porrada” nos jogadores e a relação já se iniciou da pior maneira.

“A gente pediu o Rogério no Cruzeiro. Mas a chegada não foi boa. Ele chegou dando porrada em todo mundo na primeira reunião. Foi perguntando a idade, falando que nosso time era velho para o jeito que queria jogar. Mas a gente foi bicampeão estadual e da Copa do Brasil. Calma aí, né? Pode chegar, mas chega devagar, vai respeitando, só tem campeão no time. Dedé começou a chorar, nunca vi ele tão nervoso. Ali rachou. O Itair falou: ´ele não treina mais o Cruzeiro´”, destacou Thiago Neves, lembrando o episódio que, segunda ele, culminou na demissão de Rogério.

“O problema maior foi o Dedé, faltou com respeito na oração. Azar dele que a diretoria estava na roda. Ele chegou com ego avançado, se achando demais, que o estilo de jogo era esse. Não deu certo, por isso aconteceu aquilo tudo. Nunca o grupo se fechou para derrubar o Rogério. A gente sempre falava: ´Deixa ele botar a molecada, é o dele que está na reta. O problema é dele´”, recordou.

“A gente tinha perdido para o Ceará, todo mundo quietinho. O Dedé pediu para falar, me defendeu, defendeu o Edílson, todo mundo que o Rogério não estava usando. Ele deixou claro: ´Rogério, não precisa ser amigo do Thiago. Só precisa se respeitar. Mas uma coisa te garanto, a gente precisa deles´. Aí falou: ´Dedé, quando você terminar o que tem para falar me chama´. Saiu sozinho. O Itair viu, o presidente viu. O Dedé começou a chorar, o Fábio ficou revoltadíssimo. Não pode fazer uma coisa dessa”, completou o jogador hoje no Sport.

Após o jogo contra o Ceará, citado por Thiago, Rogério terminou demitido do Cruzeiro após oito jogos. O treinador foi substituído por Abel Braga e a Raposa terminou o Brasileirão 2019 rebaixado.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa