Atacante do Atlético está em sua terceira passagem pelo clube mineiro. Foto: Divulgação/CAM

Atacante do Atlético está em sua terceira passagem pelo clube mineiro. Foto: Divulgação/CAM

Em sua terceira passagem pelo Atlético, tendo retornado em fevereiro deste ano após defender o Grêmio em 2019, o atacante Diego Tardelli, de 35 anos, projeta um time intenso sob o comando do treinador argentino Jorge Sampaoli, tão logo as atividades futebolísticas sejam retomadas em razão da pandemia do novo coronavírus.

“Os treinos são bem puxados. O Sampaoli exige muito da gente nos treinamentos, são treinos curtos, mas, ao mesmo tempo, longos pela exigência dentro de campo. Então, para a gente está sendo muito bom porque vamos usar isso nos jogos, o que ele vem pedindo para nós aqui. Com certeza, a gente vai fazer isso nos jogos, com intensidade, volume alto de jogo”, disse o jogador, que voltou a treinar nesta semana na Cidade do Galo com todo o elenco, dividido em dois grupos.
 
“A gente não consegue poupar aqui não, com o Sampaoli. Ele exige todos os dias, os seis dias que a gente treina são com bastante intensidade mesmo, é difícil poupar com ele. A função que venho treinando é praticamente essa posição, o Jorge está me usando dentro de campo como uma referência. Não é o que gosto, ficar parado ali na frente, ser aquela opção. Todos que me conhecem sabem o tanto que gosto de me movimentar bastante. Mas, com o Jorge, está sendo diferente. Então, ele quer que eu fique ali naquela posição e espero me adaptar o mais rápido possível para fazer essa função que ele está pedindo. Mas é tranquilo, já joguei em outros clubes nessa posição e, agora, não será diferente”, acrescentou Tardelli.
 
ABAIXO, ENTREVISTA COMPLETA DE DIEGO TARDELLI À TV GALO

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa