Aposentado, ele residia em Natal-RN

Aposentado, ele residia em Natal-RN

Há exatamente um ano, vítima de complicações por diabetes, morria o narrador Januário de Oliveira. Ele estava com 81 anos es estava aposentado, residindo em Natal, capital do Rio Grande do Norte., curtia há muitos anos a sua aposentadoria na capital potiguar ao lado da família. 

Gaúcho de Alegrete, nascido no dia 12 de fevereiro de 1940, Januário ficou famoso com frases como "tá lá um corpo estendido no chão", utilizada quando um jogador se machucava e ficava deitado no gramado, "Cruel, muito cruel...", que servia para elogiar um artilheiro e "Sinistro, muito sinistro...", quando algum jogador ou árbitro cometia alguma falha.

Januário foi responsável também por dar apelidos a muitos jogadores, entre eles Ézio, o "Super Ézio", o centroavante Charles (Bahia e Flamengo), o "Príncipe Charles", Sávio, o "Anjo Loiro da Gávea", "Tá, Té, Tí, Tó, Túlio…", o volante e lateral Charles do Flamengo, o "Charles Guerreiro" e Valdeir (ex-Botafogo) que ganhou a alcunha de "The Flash”.

Da esquerda para a direita, em pé: Vilibaldo Alves (Itatiaia), Jorge Marins (operador da Mauá, Rio), Luís Orlando (Mauá), Paulo Roberto (Itatiaia), João Saldanha (Globo), um mexicano, atrás dele Jorge Cury (Globo), na frente Valdir Amaral (Globo), o grande árbitro, escritor e jornalista Pedro Escartin (Fifa), Orlando Batista (Mauá), um mexicano, Flávio Araújo (Bandeirantes) Joseval Peixoto (Jovem Pan), Denys Menezes (Globo), Osvaldo Faria (Itatiaia), Roberto Silva (Bandeirantes) e Luiz Carlos Alves. (Itatiaia). Agachados: Luís Mendes (Globo), Flávio Alcarraz Gomes (Coordenador Geral), Ademir Marques de Menezes (Mauá), um mexicano, outro mexicano e Januário de Oliveria (Mauá)

 

Aqui, no Cairo (EGI), Januário curte mais uma das belas viagens que a profissão o proporcionou.

 

Em Israel, ele fez questão de visitar as famosas ruinas de Jericó.

 

Januário de Oliveira, "matando" o tempo no Mar Morto.

 

Januário de Oliveira, em Alexandria, na praia do Cassino.

 

Januário, muito bem protegido por dois soldados árabes.

 

Acima, veja o time formado pelos jornalistas brasileiros na Copa do México, em 1970. Em pé: Antônio "Tim" Teixeira, Hideki Takizawa, Januário de Oliveira, José Trajano, Vital Battaglia e Juarez Soares. Agachados: Ademir de Menezes, Armando Nogueira, Guilherme Cunha, Dácio de Almeida e Sérgio Leitão

 

Foto de 2007 enviada pelo próprio Januário de Oliveira

 

Nos anos 80, durante programa de televisão. Foto: Reprodução

 

Januário e família em Paris, na França, em 2015. Foto: arquivo pessoal

 

Januário em Paris, na França, em 2015. Foto: arquivo pessoal

 

Januário em Paris, na França, em 2015. Foto: arquivo pessoal

 

Januário e família em Paris, na França, em 2015. Foto: arquivo pessoal

 

Januário e família no Rio Grande do Norte, em 2014. Foto: arquivo pessoal

 

Em 1956 e em 2014

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Ao 18 anos, no Egito, a serviço da ONU, na Guerra do Canal de Suez, em 1956. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Encontro de Romerito e Januário de Oliveira, em agosto de 2014. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Em 2013. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Em 2014. Foto: arquivo pessoal de Januário de Oliveira

 

Januário de Oliveira, em 2014

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa