Irmãos estão detidos há um mês em Assunção. Foto: Divulgação

Irmãos estão detidos há um mês em Assunção. Foto: Divulgação

Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis deixaram a prisão Agrupación Especializada do Paraguai, quartel da Polícia Nacional do país que foi transformado em cadeia de segurança máxima. Eles estavam detidos neste local desde 06 de março, e agora passam para o regime de prisão domiciliar em um hotel de Assunção, o Palmaroga, distante pouco mais de três quilômetros do presídio.

A defesa dos irmãos ofereceu uma garantia de 1,6 milhão de dólares (o equivalente a R$ 8,3 milhões), valor depositado em juízo, como fiança, com a finalidade de indicarem que não deixarão o local. Caso o façam, o valor será resgatado pela Justiça do Paraguai.

Eles são acusados de adulteração em seus passaportes e outras investigações estão sendo feitas sobre o caso.

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa