Jovem estreou pelo clube em 2018. Foto: Divulgação/Cruzeiro Esporte Clube

Jovem estreou pelo clube em 2018. Foto: Divulgação/Cruzeiro Esporte Clube

Cacá, zagueiro formada na base cruzeirense, de 21 anos, diz que está sendo gratificante atuar ao lado de Léo, seu companheiro na defesa celesta. Cacá, que começou a se destacar inicialmente na Toca da Raposa 1, já soma 32 jogos pelo time mineiro, tendo estreado em 2018.

“Para mim é muito gratificante jogar ao lado do Léo. É um cara que já tem história e assim como ele fez a trajetória dele aqui, estou correndo atrás da minha. É muito bom jogar ao lado de um atleta experiente, humilde e que está sempre querendo ajudar”, disse Cacá.

APRENDIZADOS

“Tive vários aprendizados desde que cheguei. Evolui como atleta, como pessoa e como homem com o trabalho feito no meio de pessoas experientes, de jogadores que já viveram tudo o que estou passando. Desde quando os meninos da base vieram (para o profissional), procuro sempre passar minhas experiências e um pouco do que aprendi, para que eles possam se firmar no Clube e nos ajudar a tirar o Cruzeiro da situação que está”, comentou.

CONTRIBUIÇÃO OFENSIVA

“Muito importante que não somente os atacantes, mas também os zagueiros trabalhem as finalizações. A qualquer momento no jogo pode surgir uma oportunidade e pode ser a que vá decidir a partida. Precisamos estar preparados para qualquer tipo de situação”, finalizou o jovem zagueiro.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa