Alemão, então com 25 anos, foi o sexto colocado no GP do Brasil de 2012. Foto: Divulgação

Alemão, então com 25 anos, foi o sexto colocado no GP do Brasil de 2012. Foto: Divulgação

Há exatos sete anos, Sebastian Vettel colocava (mais uma vez) seu nome na história da Fórmula 1, como o mais jovem piloto a conquistar de forma consecutiva seu terceiro título na elite do automobilismo.

Atualmente piloto da Ferari, Vettel estava com 25 anos em 25 de novembro de 2012, e terminou o último GP da temporada, no Brasil, em sexto lugar, resultado que o deixou com três pontos de vantagem para Fernando Alonso (Ferrari), o vice-campeão (281 a 278). Vettel obteve cinco vitórias na temporada contra três de Alonso.

A vitória foi do inglês Jenson Button (McLaren), aliás a última dele na Fórmula 1. O pódio foi completado pelos dois carros da Ferrari, com Fernando Alonso em segundo e Felipe Massa em terceiro.

A prova também marcou a despedida de Michael Schumacher da F1. O alemão, que era piloto da Mercedes, recebeu a bandeira quadriculada na sétima colocação, a 11s9 do vitorioso Button.

O chove e para em Interlagos deu a tônica da prova, onde o alemão Nico Hulkenberg (Force India) acabou sendo um dos destaques, mantendo-se com pneus slick quando a maioria calçava-se com os compostos intermediários.

Button também adotou a mesma estratégia no começo, mas Hulkenberg o superou na volta 19 para assumir a liderança.

Hamilton e Hulkenberg travaram uma disputa pelo primeiro lugar na volta 55 que acabou custando o abandono do inglês. Hulkenberg permaneceu mas viu Button assumir a ponta para vencer.

A prova terminou sob bandeira amarela, por conta do acidente do escocês Pau di Resta, da Force India.

Vettel, tricampeão consecutivo, igualou o feito que até hoje só pertence a outros dois pilotos: Juan Manuel Fangio (1954,1955 e 1956) e Michael Schumacher (2000, 2001 e 2002).

No ano seguinte, Vettel tornou-se o tetracampeão consecutivo mais jovem da F1, ao vencer o GP da India de 2013.

CLASSIFICAÇÃO FINAL DO GP DO BRASIL, EM INTERLAGOS (25/11/2012):

1º    Jenson Button (GBR) - McLaren-Mercedes - 71 voltas
2º    Fernando Alonso (ESP) - Ferrari - a 2s7
3º    Felipe Massa (BRA) - Ferrari - a 3s6
4º    Mark Webber (AUS) - Red Bull-Renault - a 4s9
5º    Nico Hulkenberg (ALE) - Force India-Mercedes - a 5s7
6º    Sebastian Vettel (ALE) - Red Bull-Renault - a 9s4
7º    Michael Schumacher (ALE) - Mercedes - a 11s9
8º    Jean-Éric Vergne (FRA) - Toro Rosso-Ferrari - a 28s6
9º    Kamui Kobayashi (JAP) - Sauber-Ferrari - a 31s2
10º  Kimi Raikkonen (FIN) - Lotus-Renault - a 1 volta
11º  Vitaly Petrov (RUS) - Caterham-Renault - a 1 volta
12º  Charles Pic (FRA) - Marussia-Cosworth - a 1 volta
13º  Daniel Ricciardo (AUS) - Toro Rosso-Ferrari - a 1 volta
14º  Heikki Kovalainen (FIN) - Caterham-Renault - a 1 volta
15º  Nico Rosberg (ALE) - Mercedes - a 1 volta
16º  Timo Glock (ALE) - Marussia-Cosworth - a 1 volta
17º  Pedro de la Rosa (ESP) - HRT-Cosworth - a 2 voltas
18º  Narain Karthikeyan (IND) - HRT-Cosworth  a 2 voltas

Não completaram a prova:

19º  Paul di Resta (GBR) - Force India-Mercedes - a 3 voltas
20º  Lewis Hamilton (GBR) - McLaren-Mercedes  Abandonou
21º  Romain Grosjean (FRA) - Lotus-Renault - Abandonou
22º  Pastor Maldonado (VEN) - Williams-Renault - Abandonou
23º  Bruno Senna (BRA) - Williams-Renault - Abandonou
24º  Sergio Pérez (MEX) - Sauber-Ferrari  Abandonou

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE SEBASTIAN VETTEL NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"


  


CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO
 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR TODAS AS COLUNAS DE MARCOS JÚNIOR MICHELETTI

 

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa