Allan Aal falou durante coletiva em Campinas. Foto: Guarani/Divulgação

Allan Aal falou durante coletiva em Campinas. Foto: Guarani/Divulgação

Oficializado como novo treinador do Guarani, Allan Aal foi apresentado na última segunda-feira (8) e começou a projetar aquilo que visa em seu trabalho à frente da equipe bugrina, que estreia no dia 28 de fevereiro diante do Ituano no Brinco de Ouro da Princesa pela primeira rodada do Campeonato Paulista. Para o técnico, é essencial adequar o elenco às necessidades da equipe.

“Eu costumo falar que a montagem de perfil de jogo vai em relação ao elenco que você tem. Obviamente tenho algumas preferências de intensidade, marcação alta… Mas o mais importante é tirar de melhor o que o jogador tem para te dar, independente da sua ideia inicial. Vamos procurar maximizar o que os atletas têm de melhor e procurar encaixar as ideias com as características dos atletas”, destacou o treinador que conquistou o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro comandando o Cuiabá.

“Eu espero o melhor possível, por se tratar de uma equipe tradicional, com uma torcida apaixonada e uma camisa muito forte. Passo a passo as coisas vão acontecendo, tenho um plano de carreira, fiquei muito feliz com o convite do Guarani, foi uma coisa rápida, objetiva, dentro das nossas ideias e tenho certeza que mantendo esse perfil de objetividade, as coisas vão fluir tanto para mim quanto para o clube", frisou Allan.

O Guarani seguirá em 2021 na Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe campineira terminou o certame na 13ª colocação, com 48 pontos. Subiram à Série A, pela ordem: Chapecoense, América (MG), Juventude e Cuiabá.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa