O Fluminense volta a campo na próxima terça-feira, contra o Audax, em Volta Redonda

O Fluminense volta a campo na próxima terça-feira, contra o Audax, em Volta Redonda

Mesmo com uma atuação discreta diante do Bangu, o Fluminense venceu o adversário por 1 a 0 na tarde deste sábado, em Moça Bonita, pela quinta rodada do Campeonato Carioca e chegou à terceira vitória consecutiva, o que já não acontecia há nove meses com o time das Laranjeiras. O jovem Michael, que substituiu Fred, marcou o gol do triunfo.

Com o resultado, o Fluminense encosta no líder da Taça Guanabara, o Flamengo. O Tricolor está empatado com 10 pontos com o Rubro-negro, mas com um gol a menos de saldo. O time da Gávea, no entanto, enfrenta o Macaé neste domingo e pode voltar a se distanciar. O Vasco também pode ultrapassar o clube das Laranjeiras se vencer o Botafogo.

O Fluminense volta a campo na próxima terça-feira, contra o Audax, em Volta Redonda. Assim como neste sábado, o Tricolor não terá Fred, poupado para recondicionamento físico. A tendência é que o volante Valencia também fique novamente de fora da partida.

A partida começou em ritmo bastante lento por causa do forte calor em Bangu. O time da casa até tentava articular jogadas, mas era facilmente anulado pela defesa do Fluminense. Já o Tricolor tentava buscar jogadas de velocidade e demonstrava dificuldades para ser objetivo.

A primeira chance foi do Bangu, com Wendel, aos 9min. O atacante do Bangu bateu cruzado da entrada da área e levou certo perigo, mas a conclusão saiu ao lado do gol de Diego Cavalieri. A resposta do Fluminense veio dez minutos depois, com Rafael Sóbis batendo de fora e acertando a trave direita de Rafael.

Após o tempo técnico aos 20min, o Fluminense cresceu de produção. Mais presente ao campo ofensivo, o time seria premiado rapidamente com o primeiro gol da partida. Aos 27min, Jean cruzou na medida da direita para Michael cabecear e abrir o marcador para o Tricolor.

Com a liderança no placar, o Fluminense diminuiu o ritmo, até por causa do forte calor e da qualidade do gramado de Moça Bonita, que dificultava a criação de jogadas. O segundo tempo começou com a mesma tônica, sem que nenhuma das equipes conseguisse armar lances de maior perigo.

Já o Bangu precisava reagir no marcador e crescia na partida. O time da casa se aproveitou do segundo tempo fraco do Fluminense para avançar e levar perigo ao gol de Diego Cavalieri com mais frequência.

Em um dos melhores lances, o meia Almir bateu falta com muita categoria e goleiro tricolor teve que se esticar todo para evitar o empate aos 32min da segunda etapa. Porém, mesmo com todo o esforço nos minutos finais, o Bangu não foi capaz de evitar a vitória do Fluminense.

BANGU 0 x 1 FLUMINENSE

Local: Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Estevão Cunha da Trindade
Auxiliares: Rodrigo Pereira Joia e Jackson Lourenço Massarra dos Santos
Cartões amarelos: Gum (Fluminense); Douglas Tuche (Bangu)
Gols: Michael, aos 27 minutos do primeiro tempo

Bangu
Rafael, Douglas Tuche (Felipe Foca), Rafael Sales (Heitor), Luiz Felipe e Bruno Santos; Juninho, Rodrigo Dantas, Christiano e Almir; Willen e Wendel (Rodrigo Pinho)
Técnico: Mazolinha

Fluminense
Diego Cavalieri; Bruno (Wellington Silva), Elivélton, Gum e Carlinhos (Chiquinho); Willian, Diguinho, Jean e Conca; Rafael Sóbis e Michael (Biro Biro)
Técnico: Renato Gaúcho

FOTO: UOL

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa