Então na Ferrari, brasileiro foi o segundo na abertura da temporada de 2010. Foto: Divulgação

Então na Ferrari, brasileiro foi o segundo na abertura da temporada de 2010. Foto: Divulgação

Foi uma tensa manhã no Brasil há exatos dez anos, quando acontecia a classificação para o GP da Hungria de Fórmua 1, em Hungaroring.

O brasileiro Felipe Massa, então na Ferrari, foi atingido na cabeça por uma mola que se desprendeu da Brawn-GP de Rubens Barrichello durante o Q2 naquele 25 de julho de 2019.

Depois de um período de internação e cirurgias para reconstruir a região da órbita de seu olho esquerdo, Felipe, então com 28 anos, ficou fora de todo o restante da temporada, no caso, sete GPs, sendo substituído por Luca Badoer na etapa da Europa (Valência) e da Bélgica (em Spa-Francorchamps) e por Giancarlos Fisichella nas demais (Itália, Cingapura, Japão, Brasil e Abu Dhabi).

Recuperado, Massa foi confirmado pela Ferrari para o ano seguinte em 6 de outubro de 2009, e retomou oficialmente sua carreira na abertura da temporada de 2010, no GP do Bahrein, no circuito de Sakhir, quando subiu ao pódio em segundo lugar, mesma posição que começou a corrida. A vitória foi do seu companheiro de equipe na Ferrari, o espanhol Fernando Alonso, que fazia sua estreia pela equipe italiana e havia largado em terceiro (a pole foi de Sebastian Vettel, então na Red Bull-Renault).

Felipe Massa terminou a temporada de 2010 em sexto lugar, com mais três pódios: um segundo lugar na Alemanha e e dois terceiros (Itália e Coreia do Sul). O campeonato foi vencido pelo alemão Sebastian Vettel (Red Bull), primeiro dos quatro que venceu até hoje.

Depois do acidente em 2009, Massa não voltou mais a vencer na F1, tendo permanecido na Ferrari até 2013. Depois, disputou quatro temporadas pela Williams, com quatro pódios, sempre em terceiro lugar. 

No ano passado estreou pela Fórmula E, categoria de monopostos elétricos, fechando a temporada 2018-2019 em 15º lugar, pela equipe Venturi. Seu melhor resultado foi o terceiro lugar na etapa de Mônaco. Ele disputará a próxima temporada da categoria (2019-2020), que terá sua etapa de abertura no dia 22 de novembro, na Árabia Saudita, no circuito urbano de Al-Diriyah.

Felipe Massa participou do Bella Macchina, canal de automobilismo do Portal Terceiro Tempo, em 04 de novembro de 2016, uma semana antes do fim de semana do GP Brasil de Fórmula 1. Veja o vídeo abaixo da entrevista de Massa a Marcos Júnior Micheletti na redação do Portal Terceiro Tempo, com edição de Lucas Micheletti:

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE FELIPE MASSA NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa