Técnico Umberto Louzer prepara sua equipe para enfrentar o Brasil de Pelotas. Foto: Márcio Cunha/ACF

Técnico Umberto Louzer prepara sua equipe para enfrentar o Brasil de Pelotas. Foto: Márcio Cunha/ACF

Após a vitória diante do Paraná em casa por 2 a 0, a Chapecoense busca encurtar ainda mais o caminho de volta à Série A do Campeonato Brasileiro no jogo de domingo (3) contra o Brasil de Pelotas novamente na Arena Condá, válido pela 32ª rodada da Série B.

Restando sete jogos para o término do certame, o técnico Umberto Louzer demonstrou satisfação após o triunfo contra o Paraná, resultado que levou a equipe catarinense aos 62 pontos, na liderança da Série B, e mencionou a preocupação em recuperar os atletas para o compromisso diante do Brasil de Pelotas.

"Terminamos o jogo sem sofrer gols, isso é importante. Avançamos mais uma barreira, entramos na casa dos 60 pontos, voltamos à primeira colocação, a gente termina o ano de 2020 muito bem: com o título catarinense e primeiro colocado no Campeonato Brasileiro. Mas sabemos que ainda temos sete jogos pra cumprir e agora é recuperar os atletas, trabalhar, para poder colocar nossa mente ao próximo adversário que é o Brasil de Pelotas", ponderou Louzer.

O adversário da Chapecoense, o Brasil de Pelotas, ainda sonha com a promoção à Série A, embora a missão não seja fácil. A equipe do extremo sul do País está em décimo lugar, com 43 pontos, oito a menos que o Cuiabá, quarto na tabela.

A Chapecoense está de luto pela morte de seu presidente, Paulo Ricardo Magro, ocorrida na última quarta-feira (30). Ele estava com 59 anos e seu óbito aconteceu em decorrência de complicações de covid-19. Clique aqui e veja mais informações.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa