Foto: Divulgação/PSG

Foto: Divulgação/PSG

Auxiliar de Thomas Tuchel no PSG, Zsolt Low afirmou, em entrevista ao portal Nezmeti Sport, que existia um clima de tensão entre o técnico e Leonardo, diretor esportivo do clube francês. Mesmo assim, Low disse que toda a comissão foi pega de surpresa com a demissão após a goleada diante do Strasbourg.

"Quem acompanhava as notícias da equipe durante um tempo ouviu que havia uma tensão entre o diretor esportivo e o treinador nos últimos meses. O mercado não foi como nós gostaríamos, com jogadores importantes deixando a equipe antes das partidas chaves de agosto. Isso gerou tensão entre vários dirigentes e o staff técnico. Eles (Leonardo e Tuchel) tinham ideias diferentes em muitas áreas e a diferença crescia com o tempo. Essa relação não era sustentável a longo prazo", disse Zsolt Low.

"Ficamos surpresos que no dia 23 de dezembro, depois da vitória por 4 a 0 sobre o Strasbourg, o diretor esportivo do clube, Leonardo, nos disse que não contava mais com Thomas Tuchel. Depois de ter enfrentado dificuldades consideráveis, fez algo histórico com o PSG, ao se classificar para a final da última Liga dos Campeões, foi às oitavas do torneio em dezembro, enquanto disputa o título no Campeonato Francês. A decisão é um pouco incompreensível", completou o auxiliar. 

Após a saída de Tuchel, o clube francês fechou a contratação de Maurício Pochettino, ex-treinador do Tottenham. O primeiro jogo do argentino no comando do PSG será contra o Saint-Étienne, pelo Campeonato Francês, na próxima quarta-feira (6).

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa