Tetracampeão competiu pela McLaren na temporada de 1980. Foto: Reprodução

Tetracampeão competiu pela McLaren na temporada de 1980. Foto: Reprodução

Tetracampeão mundial de Fórmula 1, o francês Alain Prost completa 66 anos nesta quarta-feira (24).

Para esta data festiva, relembramos sua corrida de estreia pela Fórmula 1, no GP da Argentina de 1980, ocasião em que ele terminou em um ótimo sexto lugar, marcando de cara seu primeiro ponto na categoria, conduzindo McLaren-Ford M29.

Prost partiu do 12º lugar do grid, cinco posições à frente do seu então companheiro de equipe, o britânico John Watson.

A prova foi vencida por Alan Jones (Williams-Ford), seguido por Nelson Piquet (Brabham-Ford) e Keke Rosberg (Fittipaldi-Ford).

A primeira vitória aconteceu já na temporada seguinte, pela Renault, no GP da França, disputado em Dijon-Prenois.

Atual consultor da Renault na Fórmula 1, Alain Prost conquistou quatro títulos na categoria máxima do automobilismo, sendo três pela McLaren (1985, 1986 e 1989) e um pela Williams (1993), com três maracas diferentes de motores: Porsche-turbo V6 em 1985 e 1986, Honda aspirado V10 em 1989 e Renault aspirado V10 em 1993. Clique aqui e veja como foram os testes de Alain Prost com a Ligier em 1992.

Em sua estreia na F1, com a McLaren-Ford no GP da Argentina. Prost largou em 12º e terminou em sexto com a M29. Foto: Reprodução

ANO SABÁTICO

Em 1991, após deixar a Ferrari, Alain Prost não disputou a temporada de 1992 da Fórmula 1. Ele chegou a testar a Ligier-Renault durante os testes de inverno na França, em Paul Ricard, mas desistiu da ideia ao perceber que o chassi da JS-37 não fazia jus ao ótimo desempenho do motor Renault, retornando para ser campeão no ano seguinte, com a Williams-Renault. Deixou a F1 ao término da temporada de 1993.

Prost esteve próximo de assinar com a Ligier para 1992, mas desistiu após os testes da pré-temporada. O chassi da JS-37 não agradou o francês. Foto: Reprodução

EQUIPE PRÓPRIA

Em 1996 acertou a compra da Ligier junto ao então dono, Flavio Briatore, fundando a Prost Grand Prix, que fez cinco temporadas na Fórmula 1, entre 1997 e 2001, sem conseguir nenhuma vitória. A temporada de estreia, em 1997, acabou sendo a melhor. Então com o motor Peugeot, a Prost Grand Prix marcou 21 pontos. Olivier Panis subiu ao pódio em duas corridas, os GPs do Brasil e da Espanha.

Então dono de equipe, a Prost Grand Prix, com sua dupla de pilotos para a temporada de 1997: o italiano Jarno Trulli e o francês Olivier Panis. Foto: Divulgação

 


  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa